1 evento ao vivo

Com ingressos mais baratos, Rio Open inicia venda nesta sexta-feira

Valores das entradas variam de R$ 30 e R$ 490; torneio será disputado entre 16 e 24 de fevereiro de 2019, no Jockey Club Brasileiro

7 dez 2018
12h44
  • separator
  • comentários

Com ingressos mais baratos do que neste ano, o Rio Open abre nesta sexta-feira a venda de bilhetes para a edição 2019 do torneio. Os valores das entradas variam de R$ 30 e R$ 490. Neste ano, os ingressos custaram até R$ 550 e o valor mínimo foi o mesmo. A venda é realizada a partir das 12 horas através do site tudus.com.br/rioopen.

Maior torneio de tênis da América do Sul, o Rio Open será disputado entre 16 e 24 de fevereiro de 2019, no Jockey Club Brasileiro, na capital fluminense. A organização espera a presença de 50 mil pessoas ao longo do evento.

Já foram confirmados na chave três tenistas do Top 20 do ranking. O maior destaque é o austríaco Dominic Thiem, vice-campeão de Roland Garros neste ano e atual número oito do mundo. Outro garantido é o italiano Fabio Fognini e o argentino Diego Schwartzman, atual campeão do torneio brasileiro.

"A briga pelo título do Rio Open promete ser acirrada com vários dos melhores tenistas do saibro. O Thiem é atualmente o segundo melhor tenista do mundo nessa superfície. O Fognini teve o melhor ano da carreira vencendo três torneios da ATP. E o Schwartzman fez uma excelente temporada e alcançou o melhor ranking da carreira (11º). Além deles teremos os tenistas brasileiros que sempre levantam a torcida no Jockey Club", diz Luiz Carvalho, diretor do torneio.

Entre os brasileiros, somente dois estão garantidos até agora. O primeiro a confirmar presença foi o jovem Thiago Wild, campeão da chave juvenil do US Open. O tenista de 18 anos assegurou seu lugar na chave principal de simples ao faturar o título do Maria Esther Bueno Cup, torneio voltado para os talentos juvenis do País, disputado no mês passado, em São Paulo.

Bruno Soares e o seu parceiro de duplas, o escocês Jamie Murray, também asseguraram presença. O duplista Marcelo Melo ainda não garantiu sua presença na competição. E os principais tenistas de simples do Brasil vão depender de convites ou da vaga através do qualifying por não terem ranking suficiente para entrar direto na chave principal.

Thiago Monteiro (123º), Rogério Dutra Silva (165º) e Thomaz Bellucci (242º) devem disputar um dos convites disponíveis - o outro é reservado para a IMG, empresa parceria da IMM, a promotora da competição.

Estadão

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade