0

Canadense ganha mais uma em Auckland e encara Görges em 1ª final da carreira

Em seu sétimo triunfo na competição, Bianca Andreescu bateu Su-Wei Hsieh por 2 sets a 0, com duplo 6/3

5 jan 2019
11h17
  • separator
  • comentários

A jovem canadense Bianca Andreescu segue surpreendendo no Torneio de Auckland, na Nova Zelândia. A tenista número 152 do mundo eliminou neste sábado a taiwanesa Su-Wei Hsieh, terceira cabeça de chave, por 2 sets a 0, com duplo 6/3, em 1h21min. E, com o seu sétimo triunfo na competição, vai disputar a primeira final de sua carreira em nível WTA.

Andreescu, de apenas 18 anos, entrou na competição na fase de qualifying e venceu seus três jogos para entrar na chave principal. No domingo, a final será o seu oitavo jogo. No caminho até a decisão, a canadense já eliminou seguidas rivais de peso, como a dinamarquesa Caroline Wozniacki e a norte-americana Venus Williams, ambas ex-líderes do ranking.

Neste sábado, ela derrubou mais uma favorita. E, desta vez, fez grande exibição e mostrou sua performance mais dominante da semana, contra Hsieh, 28ª do mundo, Andreescu obteve quatro quebras de saque e sofreu apenas uma, ainda no set inicial. Na segunda parcial, sequer teve o serviço ameaçado.

"Acho que Auckland consegue extrair o melhor de mim. Eu não sei o que está acontecendo, na verdade", disse a tenista canadense, que sofreu com uma gripe ao longo da semana. E vinha reclamando de dores nas costas nas últimas semanas. "Acho que é importante para mim permanecer no momento presente. Tenho feito isso ao longo de toda a semana e estou muito além da gratidão neste momento", declarou a finalista.

Na decisão, Andreescu vai enfrentar a atual campeã do torneio neozelandês. A alemã Julia Görges, segunda cabeça de chave do torneio, despachou neste sábado a eslovaca Viktoria Kuzmova por 6/1 e 7/6 (8/6), em 1h27min.

Estadão

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade