0

Bruno Soares exalta confiança e momento da carreira: "Quero jogar até os 40"

1 dez 2018
08h19
atualizado às 08h19
  • separator
  • 0
  • comentários

Um dos principais tenistas da história do tênis brasileiro, Bruno Soares tem muito a comemorar após o término da temporada de 2018. Mesmo sem conquistar nenhum título de Grand Slam neste ano, o mineiro se consolidou como Top 10 do mundo e venceu três torneios no segundo semestre, sendo um deles o Masters 1000 de Cincinnati. Por isso, o atleta de 36 anos não pretende parar de jogar profissionalmente tão cedo.

"Eu quero ir mais uns três, quatro anos, no mínimo. Por enquanto eu nem penso em aposentadoria no momento. Estou em uma crescente, isso é importante, acredito que estou evoluindo. Enquanto eu estiver com essa vontade de jogar tênis, de entrar em quadra, eu vou querer jogar e buscar novos desafios. Eu estou muito bem, estou muito motivado, isso é o que mais importa", afirmou o brasileiro em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva.

Bastante animado e descontraído, Bruno Soares ressaltou que a temporada pode ser dividida em duas fases: o primeiro semestre, em que o tenista sul-americano não conseguiu ter resultados tão expressivos, e o segundo semestre, em que o brasileiro conquistou o título em Washington, Cincinnati e alcançou as semifinais do ATP Finals, torneio que reúne as oito melhores duplas do ano.

Com uma campanha quase impecável e jogando de maneira muito confiante, Bruno Soares e seu parceiro Jamie Murray ficaram muito perto de chegar pela primeira no Finals, realizado em Londres, porém não foram capazes de superar a excelente dupla Mike Bryan e Jack Sock, que horas depois, conquistariam o título. Para o brasileiro, a dupla americana é praticamente impecável.

"Não tem como dizer que se tivéssemos enfrentado Mahut/Herbert (outra dupla semifinalista do ATP Finals) teríamos ido para a final, pois todas são duplas excelentes, mas Mike Bryan e Jacks Sock estão vivendo um momento iluminado. O Jack é chamado de "garotão", mas é um dos melhores duplistas do momento, enquanto que Mike tem toda a experiência, o talento…eles são excelentes", destacou Soares.

Agora, o objetivo é começar bem o ano de 2019, retomando as vitórias logo no primeiro semestre. Enquanto isso, Bruno Soares focará na pré-temporada, para se manter como uma das esperanças do tênis brasileiro na atualidade.

* Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade