0

Brasileiros vão mal e caem em challengers europeus

11 jul 2018
13h22
atualizado às 13h22
  • separator
  • comentários

Pelas oitavas de final do Challenger de Braunschweig, Rogério Dutra caiu, nesta quarta-feira (11), para o belga Arthur de Greef, que venceu por 2 sets a 0, com placar final de 6/4 e 7/6 (7-5), em 2h02 de confronto. O tenista europeu é apenas o 254 do mundo, e havia passado surpreendido na estreia, eliminando o cabeça de chave 4, na Alemanha.

O primeiro set equilibrado, foi bem aberto, com diversas chances para ambos os lados. Mas Rogerinho sofreu ao não conseguir aproveitar boas oportunidades. Ele teve cinco break-points a favor em dois games diferentes, mas não converteu nenhum. Já o belga aproveitou uma das seis chances que teve de quebra, no quinto game, o que foi suficiente para lhe dar a vantagem de 1 a 0.

O segundo set começou com o brasileiro imprimindo bom ritmo ao conseguir abrir 2/0. No entanto, Rogerinho não soube administrar a vantagem e viu o adversário empatar a partida. O jogo então ficou equilibrado, com o brasileiro tentando evitar que de Greef abrisse uma diferença no placar. Só no tie-break a parcial foi decidida, acabando com mais uma vitória belga sobre o Brasil.

Outro brasileiro que se deu mal nesta quarta, no Challenger de Bastard, na Suécia. Mesmo sendo cabeça de chave 4 no torneio, o brasileiro não confirmou o favoritismo contra o espanhol Pedro Martinez, ao perder por 2 sets a 0, com duplo 6/4, nas oitavas de final.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade