0

Barty avança à semi em Birmingham e fica a duas vitórias de ser número 1 do mundo

Australiana só depende de si após eliminação de Naomi Osaka na rodada anterior

21 jun 2019
17h23
  • separator
  • 0
  • comentários

Campeã de Roland Garros há menos de duas semanas, a australiana Ashleigh Barty deu mais um passo nesta sexta-feira para assumir a liderança do ranking da WTA. Pelas quartas de final do Torneio de Birmingham, disputado em quadras de grama na Inglaterra e que serve de preparação para Wimbledon, derrotou a norte-americana Venus Williams por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/3, e está a duas vitórias de ser a número 1 do mundo.

Essa foi a 10.ª vitória seguida de Barty, contando as sete da campanha do título em Roland Garros e mais três em Birmingham. Caso seja campeã na Inglaterra, a australiana vai desbancar a japonesa Naomi Osaka, que está no topo do ranking há 21 semanas desde que conquistou o Aberto da Austrália, em Melbourne, no mês de janeiro. Nesta semana, pela mesma competição, a tenista do Japão caiu nas oitavas de final.

Neste sábado, em uma das semifinais, a adversária de Barty será a checa Barbora Strycova, 51.ª colocada do ranking, que venceu a compatriota Kristyna Pliskova, algoz da irmã Karolina (número 3 do mundo), por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/4. No confronto direto, a australiana de 23 anos tem duas vitórias e uma derrota.

No outro lado da chave, a semifinal será entre a alemã Julia Goerges e a croata Petra Martic. A primeira, cabeça de chave número 8 e 19.ª do mundo, derrotou facilmente a casaque Yulia Putintseva por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2, enquanto que a sua rival deste sábado bateu de virada a letã Jelena Ostapenko por 2 a 1 - com parciais de 6/7 (4/7), 7/5 e 6/1.

NA ESPANHA

Um dia depois de eliminar a russa Maria Sharapova, ex-número 1 do mundo, a alemã Angelique Kerber conseguiu a sua classificação às semifinais do Torneio de Maiorca, também disputa em quadras de grama, ao ganhar da francesa Caroline Garcia por 2 sets a 0, com parciais de 6/3, 7/6 (7/5). A próxima rival da principal favorita ao título e sexta colocada do ranking será a suíça Belinda Bencic, cabeça 3 e número 14 do mundo, que eliminou a norte-americana Amanda Anisimova com um duplo 6/2.

Também nesta sexta-feira, a letã Anastasija Sevastova, segunda cabeça de chave, avançou às semifinais ao bater a chinesa Yafan Wang por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/1. Sua adversária será a norte-americana Sofia Kenin, sétima pré-classificada, que venceu de virada a belga Elise Mertens por 2 a 1 - parciais de 1/6, 6/1 e 6/3.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade