2 eventos ao vivo

Atual campeão, Djokovic vence alemão na 1ª rodada de Wimbledon

Sem dificuldades, sérvio derrotou Philipp Kohlschreiber e avançou para a segunda rodada

1 jul 2019
13h26
  • separator
  • 0
  • comentários

Atual campeão de Wimbledon, Novak Djokovic não teve maiores problemas para confirmar favoritismo em sua estreia nesta edição do tradicional Grand Slam inglês realizado em quadras de grama. O sérvio superou o alemão Philipp Kohlschreiber por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 7/5 e 6/3, nesta segunda-feira, em Londres, e avançou à segunda rodada da competição.

No topo disparado do ranking mundial e em busca do seu quinto troféu do grande evento na capital inglesa, na qual triunfou também em 2011, 2014, 2015 e 2018, o tenista de 32 anos avançou à segunda rodada e terá como próximo adversário o norte-americano Denis Kudla, que em outro duelo já encerrado deste primeiro dia de duelos do torneio passou pelo tunisiano Malek Jaziri por 6/4, 6/1 e 6/3.

Essa foi a 11ª vitória de Djokovic em 13 confrontos com Kohlschreiber, atual 57º colocado da ATP, que neste ano chegou a surpreender o sérvio no Masters 1000 de Indian Wells, em quadra dura nos Estados Unidos, mas também caiu diante do adversário nos Masters de Montecarlo e Roma, ambos em piso de saibro, nesta temporada.

Neste quarto duelo entre os dois no ano, o número 1 do mundo teve o seu saque quebrado por duas vezes pelo experiente tenista alemão de 35 anos, mas aproveitou seis de 14 chances de ganhar games no serviço do rival para liquidar o confronto em sets diretos, após 2h03min.

Com 12 aces e 84% de aproveitamento nos pontos que disputou com o seu primeiro serviço, Djokovic também acumulou 37 winners e 19 erros não forçados, diante de 22 bolas vencedoras e 29 erros do mesmo tipo de Kohlschreiber, que fez nove pontos de saque.

ANDERSON E WAWRINKA TAMBÉM VENCEM

Em outros dois duelos já finalizados nesta segunda-feira em Londres, o sul-africano Kevin Anderson e o suíço Stan Wawrinka também confirmaram favoritismo em suas estreias. Atual vice-campeão de Wimbledon e quarto cabeça de chave da competição, o jogador da África do Sul abriu campanha derrotando o francês Pierre-Hugues Herbert por 3 sets a 0, com 6/3, 6/4 e 6/2, enquanto Wawrinka, 22º pré-classificado e vencedor de três títulos de Grand Slam, também superou com facilidade o belga Ruben Bemelmans por 6/3, 6/2 e 6/2.

Com o seu triunfo, Anderson se credenciou para enfrentar na segunda rodada o sérvio Janko Tipsarevic, que em outra partida do dia sofreu para bater o japonês Yoshihito Nishioka, por 3 sets a 2, com parciais de 6/4, 6/7 (2/7), 6/2, 5/7 e 6/2. Já o próximo rival de Wawrinka será o norte-americano Reilly Opelka, que passou pelo alemão Cedrik-Marcel Stebe por 6/3, 7/6 (7/4) e 6/1.

O russo Karen Khachanov, por sua vez, precisou lutar bastante para justificar o status de décimo cabeça de chave em sua estreia diante do sul-coreano Soon-Woo Kwon, que saiu do qualifying e perdeu por 3 sets a 1, com 7/6 (8/6), 6/4, 4/6 e 7/5. Assim, ele avançou para encarar na próxima fase o espanhol Feliciano López, que na primeira rodada eliminou o norte-americano Marcos Giron por 6/4, 6/2 e 6/4.

Em outra partida desta segunda-feira, o espanhol Roberto Bautista-Agut também confirmou a condição de 23º cabeça de chave na estreia ao bater o alemão Peter Gojowczyk por 6/3, 6/2 e 6/3. E o seu rival seguinte na capital inglesa será o belga Steve Darcis, que eliminou o alemão Mischa Zverev por 6/2, 6/4 e 6/4.

O argentino Leonardo Mayer, o italiano Andreas Seppi e o holandês Robin Haase foram outros tenistas que venceram na estreia em outras partidas já finalizadas no dia.

KAROLINA PLISKOVA E SIMONA HALEP VENCEM NA ESTREIA

Duas ex-líderes do ranking da WTA e cotadas como favoritas ao título, a checa Karolina Pliskova e a romena Simona Halep passaram com tranquilidade nesta segunda-feira pela rodada de estreia de Wimbledon, o terceiro Grand Slam da temporada. Em um lado da chave complicado com tenistas de renome como a japonesa Naomi Osaka, a dinamarquesa Caroline Wozniacki e a norte-americana Venus Williams, ambas venceram os seus jogos por 2 sets a 0 e se classificaram à segunda rodada.

Número 3 do mundo, Pliskova manteve o embalo do título conquistado no último sábado em Eastbourne e derrotou a chinesa Lin Zhu com as parciais de 6/2 e 7/6 (7/4). Sua próxima adversária será a porto-riquenha Monica Puig, campeã olímpica nos Jogos do Rio-2016, que bateu de virada a eslovaca Anna Karolina Schmiedlova por 2 sets a 1 - com parciais de 5/7, 6/4 e 7/5.

Sem precisar passar por algum susto como um tie-break, Halep estreou com a vitória sobre a bielo-russa Aliaksandra Sasnovich com as parciais de 6/4 e 7/5. A rival da segunda rodada da tenista da Romênia será a compatriota Mihaela Buzarnescu, que derrotou a norte-americana Jessica Pegula por 2 sets a 0, com um duplo 6/4.

Também entre as mais tenistas mais bem ranqueadas, a ucraniana Elina Svitolina aplicou até um "pneu" em sua estreia na grama de Londres. Contra a australiana Daria Gavrilova, a cabeça de chave número 8 ganhou por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/0, e agora enfrentará a russa Margarita Gasparyan, que eliminou a alemã Anna-Lena Friedsam com um duplo 6/4.

Sem dar chances para a zebra, outras cinco tenistas pré-classificadas conseguiram a classificação à segunda rodada de Wimbledon. Foram os casos da norte-americana Madison Keys (cabeça 17), da estoniana Anett Kontaveit (20), da croata Petra Martic (24), da norte-americana Sofia Kenin (27) e da grega Maria Sakkari (31).

Só quem se deu mal foi a bielo-russa Aryna Sabalenka. A cabeça de chave número 10 e 11.ª do ranking foi eliminada precocemente pela eslovaca Magdalena Rybarikova, que venceu por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/4. Outras seis tenistas venceram na estreia: as checas Marie Bouzkova e Karolina Muchova, a britânica Heather Watson, a eslovena Polona Hercog, a ucraniana Dayana Yastremska e a suíça Viktorija Golubic.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade