0

Magrão vê clássico como lição para o Sport evoluir

26 jan 2018
15h02
  • separator
  • 0
  • comentários

A derrota no clássico contra o Náutico foi sentida pelos jogadores do Sport como uma falha em como eles entraram em campo. Se falava que o time rubro-negro era favorito e o próprio momento das equipes após o final da temporada passada ajudou na imagem construída pelos dois clubes nesse início de ano.

Os jogadores entenderam que faltou algo na apresentação da equipe e que ainda precisam evoluir. "A gente entrou um pouco devagar e os caras fizeram o resultado. É o começo, mas sabemos que a pressão é a todo momento. A gente precisa melhorar, pegar os erros e acertar para evoluir para o resto da competição", afirmou Ronaldo Alves.

Magrão sabe que em clássico não existe momento nem favorito. "A maior lição é saber que a vitória só vai vir com suor, com um empenho maior. O favoritismo tem que ficar fora de campo, pois tudo acontece dentro das quatro linhas e para as coisas seguirem da maneira que nós vamos ter que nos doar para conseguir as vitórias", disse.

"No futebol a cada jogo você tem a oportunidade de mudar a história. Diante do Pesqueira, temos essa chance e para conseguir a vitória precisamos jogar um melhor futebol para conseguir os nossos objetivos", completou o goleiro.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade