1 evento ao vivo
Logo do São Paulo
Foto: Marcos Bezerra / Futura Press

São Paulo

Shaylon celebra gol nos acréscimos e valoriza ponto fora de casa

13 mai 2018
18h45
atualizado em 14/5/2018 às 10h46
  • separator
  • comentários

Em sua primeira partida desde que Diego Aguirre assumiu a equipe, o meia Shaylon foi decisivo para tornar o São Paulo o único time invicto no Campeonato Brasileiro de 2018. Herói do empate por 2 a 2 com o Bahia, na tarde deste domingo, o meia celebrou o gol anotado nos acréscimos do duelo válido pela quinta rodada do torneio e valorizou o ponto conquistado em Salvador.

"Fico feliz de ter ajudado a equipe a levar esse ponto muito importante para a casa. Foi um jogo difícil. Feliz pelo gol, foi um belo chute. Agradeço a Deus por esse momento", vibrou o jogador de 21 anos ao canal Premiere.

Na Arena Fonte Nova, em cobrança de pênalti, os donos da casa abriram o placar no início do primeiro tempo. Aos 30 minutos, após grande assistência de Nenê, Tréllez empatou para o Tricolor paulista. Pouco depois, contudo, Edigar Junio marcou o seu segundo gol e recolocou o Bahia em vantagem.

Em busca do empate, o técnico Diego Aguirre promoveu a entrada de Shaylon na vaga de Nenê aos 34 minutos da etapa final. Aos 47, o jovem revelado em Cotia arriscou de fora da área e acertou o ângulo, evitando o primeiro revés são-paulino no Brasileiro. Sua última aparição havia ocorrido na derrota por 2 a 0 para o Palmeiras, em 8 de março, quando Dorival Júnior ainda era o treinador do time do Morumbi.

Após a partida, o camisa 20 foi cumprimentado pelos companheiros e também por Aguirre, que o elogiou em entrevista coletiva. "Quero valorizar o menino Shaylon, porque ele marcou o gol do empate. Quando acabou o jogo, fui até o campo e falei: 'Você merece'. É um menino espetacular, trabalha em silêncio desde o primeiro dia, um profissional excelente. Ele aproveitou a oportunidade. Somamos mais um jogador e fico feliz por ele", afirmou.

Com o resultado, o São Paulo chegou aos sete pontos e continuou no décimo lugar. Com quatro empates seguidos na competição, o Tricolor voltará a campo no próximo domingo, às 16 horas (de Brasília), no Morumbi, para enfrentar o Santos.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade