Logo do

São Paulo

Meu time

Saída iminente de Tchê Tchê abre espaço para Liziero crescer no São Paulo

4 abr 2021
09h14 atualizado às 09h14
0comentários
09h14 atualizado às 09h14
Publicidade

Cuca indicou, e o Atlético-MG está próximo de acertar a chegada de Tchê Tchê, que deve ser emprestado pelo São Paulo até o final do ano. A saída do volante diminui a concorrência no meio-campo do Tricolor e permite que Liziero ganhe mais espaço no time de Hernán Crespo.

Tchê Tchê não iniciou a temporada como titular no São Paulo, porém saiu do banco de reservas em três dos quatro jogos da equipe no Paulistão, tendo marcado um belo gol contra o Santos. No Atlético-MG, o jogador de 28 anos tem a expectativa de ser uma peça importante do elenco, visto que é admirado por Cuca.

Foi o treinador que pediu a contratação do volante ao São Paulo em 2019, quando Tchê Tchê atuava pelo Dynamo de Kiev. Antes, Cuca já havia trazido o atleta ao Palmeiras, em uma parceria que culminou no título do Campeonato Brasileiro de 2016.

Recuperado de uma lesão no tornozelo, Liziero não atua pelo Tricolor desde setembro do ano passado. Com a paralisação do Campeonato Paulista, o volante tem a oportunidade de impressionar Crespo durante os treinamentos no CT da Barra Funda.

Em campo, o jogador revelado por Cotia tem como principais concorrentes Luan, Daniel Alves, Rodrigo Nestor e o recém-contratado William. Pela boa técnica e qualidade no passe, Liziero tem as credenciais para ser o primeiro volante do time de Crespo, que acredita ser importante ter um jogador refinado nesta posição.

Com a camisa do São Paulo, Liziero tem 84 partidas disputadas, com três gols marcados. Já Tchê Tchê entrou em campo 98 jogos pelo Tricolor, com seis gols anotados.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade