2 eventos ao vivo
Logo do São Paulo
Foto: Marcos Bezerra / Futura Press

São Paulo

Rodrigo Caio iguala marca de Miranda na Seleção Brasileira

8 out 2017
12h21
atualizado às 12h21
  • separator
  • comentários

A opção de TIte de escolher Rodrigo Caio para substituir Thiago Silva, lesionado na partida diante da Bolívia, fez com que o zagueiro são-paulino chegasse a um número importante. Convocado para a Seleção Brasileira pela sétima vez enquanto veste a camisa do clube paulista, o defensor de 24 anos igualou a marca de um ídolo da torcida tricolor: Miranda.

Na briga por uma vaga na Seleção que representará o Brasil na Copa do Mundo da Rússia ano que vem, Rodrigo Caio afirmou que se inspira no atual defensor da Inter de Milão e titular da Seleção Brasileira. "É uma alegria muito grande poder igualar esta marca, porque o Miranda é uma referência para todos. Fico feliz por hoje fazer parte da Seleção junto com ele, porque é um cara que admiro pelo caráter que tem, pela pessoa que é e por ser um grande jogador. É um grande orgulho para mim, fico feliz. Espero que a gente possa estar juntos por muito tempo", afirmou.

Tricampeão brasileiro com a camisa do São Paulo, Miranda acredita que Rodrigo Caio irá ultrapassar a sua marca de sete convocação com a camisa do Tricolor. "Fico feliz pelo Rodrigo Caio, e sei que ele vai bater esse número porque tem muita qualidade, é jovem e tem um potencial muito grande. Seguramente, o São Paulo e a Seleção Brasileira estão bem servidos de zagueiro", avaliou.

Utilizando o CT do São Paulo, localizado na Barra Funda, para os treinamentos da Seleção, o ex-zagueiro do Tricolor Paulista revelou a alegria de poder retornar ao local. "É sempre especial voltar, porque fui feliz aqui e conquistei títulos. Receber o carinho de todos no clube é gratificante. Sempre que posso, visito o CT nas férias e mato a saudade dos amigos. Essa alegria de visitar o São Paulo mostra que deixei uma marca aqui", comentou.

Líder das Eliminatórias Sul-Americanas e já classificada para o torneio da Rússia, o Brasil encerra a sua participação no torneio qualificatório enfrentando a seleção do Chile, na próxima terça-feira, no estádio Palestra Itália.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade