PUBLICIDADE
Logo do

São Paulo

Favoritar Time

"Precisamos ter mais força na Conmebol", diz Ceni sobre expulsões do SP

Treinador não escondeu insatisfação por terminar partida com apenas 8 atletas em campo

1 jul 2022 - 01h21
(atualizado às 08h05)
Ver comentários
Comandante são-paulino foi direto em opinião sobre o ocorrido em duelo desta noite (Foto: JAVIER TORRES / AFP)
Comandante são-paulino foi direto em opinião sobre o ocorrido em duelo desta noite (Foto: JAVIER TORRES / AFP)
Foto: Lance!

Após ver o São Paulo terminar com três jogadores expulsos a vitória por 4 a 2 sobre o Universidad Católica, no Chile, no duelo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana, o técnico Rogério Ceni desabafou e pediu a volta da força de bastidores do Tricolor na Conmebol.

GALERIAS

"Não queremos falar de arbitragem, mas temos que repensar, temos que ter mais força na confederação sul-americana. Eu me recordo de uma época em que a gente tinha força, mas hoje não temos e sofremos muito."

Ceni não escondeu a insatisfação com a arbitragem do uruguaio Christian Ferreyra, que tirou do campo Calleri, Igor Vinícius e Nestor e deixou o São Paulo terminar o jogo com apenas oito atletas em campo.

"No fim, quando vai cumprimentar o árbitro, ele dá bênção aos jogadores deles. Claro, pode, é respeitoso. Mas, não sei, três expulsos nossos, abraços, beijos... Quando um de nós foi cumprimentá-lo, ele diz que 'você eu não cumprimento'. Estranho."

Apesar das críticas, o treinador falou que não ia se estender as críticas com medo do Tricolor sofrer retaliações no decorrer da Sul-Americana.

"As expulsões, quando se fala de competições como a Conmebol, é melhor não falar sobre arbitragem, porque são circunstâncias que se voltam contra você. A gente viu o que se passou no campo. A primeira expulsão foi uma vergonha... Vamos desfrutar das coisas boas de hoje e tentar estar bem. A vitória eu creio que foi muito importante, a gente poderia ter um resultado melhor se fosse 11 contra 11."

Lance!
Publicidade
Publicidade