1 evento ao vivo

Com portões fechados, São Paulo volta a treinar após derrota

7 fev 2019
19h47
  • separator
  • 0
  • comentários

O São Paulo se reapresentou na tarde desta quinta-feira, dia seguinte à derrota por 2 a 0 para o Talleres, na Argentina, pela Pré-libertadores. No CT da Barra Funda, o técnico André Jardine iniciou a preparação para o duelo com a Ponte Preta, neste sábado, às 19 horas (de Brasília), em Campinas, pelo Campeonato Paulista.

A atividade sofreu uma mudança em sua programação inicial e aconteceu a portas fechadas, sem a presença da imprensa. O elenco desembarcou em Guarulhos nesta madrugada e iniciou o treino às 17 horas.

De acordo com a assessoria do clube, Liziero (entorse no tornozelo direito), Anderson Martins (tendinite no joelho direito) e Brenner (lesão na coxa esquerda) não trabalharam em campo.

O trio não deve reunir condições de ir para o jogo no Moisés Lucarelli. Já o volante Hudson, que poderia ser titular por ter sido expulso diante do Talleres, terá de cumprir suspensão também no Estadual em função do acúmulo de três cartões amarelos.

Segundo relato do site oficial, os titulares do confronto em Córdoba realizaram exercícios regenerativos no Reffis e na fisiologia. Os demais treinaram sob o comando de Jardine no gramado, onde fizeram uma atividade técnica-tática em campo reduzido.

A tendência é que o treinador escale uma equipe completamente reserva contra a Ponte Preta. Na quarta-feira, no Morumbi, o São Paulo precisa reverter o 2 a 0 sofrido para o Talleres no jogo de ida.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade