PUBLICIDADE
Logo do

São Paulo

Meu time

Belmonte fala de desafios financeiros para construir o time do São Paulo

25 mai 2021 18h02
| atualizado às 18h02
ver comentários
Publicidade

Depois de conquistar o Campeonato Paulista no domingo e anunciar a contratação do meio-campo Emiliano Rigoni na segunda-feira, o São Paulo segue se preparando para a disputa do Brasileirão e do mata-mata na Libertadores. Carlos Belmonte, diretor de futebol do clube, falou ao Sportv sobre a situação financeira do clube  e os planos para manter a folha salarial em dia sem deixar o nível dos jogadores cair.

"Diretor de futebol sempre quer gastar em contratação. Acabamos de contratar o Emiliano Rigoni. Antes do Rigoni, com todas as saídas e chegadas, estávamos praticamente com a mesma folha de pagamento. Agora superamos um pouco e temos que fazer novos ajustes. Queremos chegar no final do ano com a diminuição da folha de pagamento, da dívida e com um time competitivo. Essa equação é muito difícil, mas vamos trabalhar pra isso", afirmou Belmonte.

Sobre o bom momento vivido pelo São Paulo, o diretor citou o peso de Muricy Ramalho no processo.

"Quero fazer uma referência de um nome fundamental em tudo isso ao meu ver, que é Muricy Ramalho. A chegada do Muricy faz a unificação de tudo que acreditamos, aquela mentalidade vencedora. O Muricy traz isso muito claramente para o CT e o relacionamento com o Crespo, que é uma pessoa muito fácil de se relacionar. Temos sim uma limitação de gasto e temos trabalhado muito nesse sentido", declarou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade