PUBLICIDADE
Logo do

São Paulo

Favoritar Time

Alex relembra jogo contra o Vasco pelo Brasileiro, adversário do São Paulo nas oitavas da Copinha

17 jan 2022 06h14
| atualizado às 06h14
ver comentários
Publicidade

À frente da base do São Paulo, o treinador Alex terá pela frente o Vasco na Copinha. Nesta segunda-feira, as equipes entram em campo pelo torneio pelas oitava de final, às 20 horas (de Brasília), em São Caetano do Sul.

O Tricolor já enfrentou o adversário no Campeonato Brasileiro do ano passado. Em julho, o time saiu com a vitória por 1 a 0 pela sexta rodada da competição.

"O jogo foi um dos mais difíceis no Brasileiro. Poderíamos ter perdido, porque em alguns momentos da partida o Vasco nos dominou. O futebol carioca produz jogadores com muita qualidade e que resolvem os problemas de uma maneira muito mais rápida do que em outros locais. Ao longo de sua história o Vasco revelou jogadores enormes nesta Copa São Paulo não é diferente", declarou Alex.

Para o duelo, o treinador espera não ter nenhuma surpresa no elenco. Segundo ele, "é um jogo aberto", onde as duas equipes sairão para jogo e espera ter méritos para conseguir avançar.

"Um detalhe a favor ou contra deve definir a partida. Espero que não tenhamos nenhuma baixa, porque sempre corre esse risco. Podendo contar com todos vamos montar uma estratégia interessante", afirmou Alex.

Futuro de Caio e Vitinho

"Não sei. O futuro é muito longe. Eu costumo dizer que o São Paulo tem bons valores. O futuro depende de muitas coisas. Das oportunidades que serão dadas, da paciência que o torcedor vai ter. O futebol de primeiro time é diferente do Sub-20. Tanto o Caio, o Vitor e os outros jogadores têm muita qualidade. Sou um cara que acredito em processo. Se o processo for bem aproveitado, com certeza renderão bons frutos para o São Paulo"

Movimentação e jogadas rápidas no ataque

"Isso é muito mais deles [jogadores]. Eu acredito que o futebol é levar as minhas ideias perante aqueles jogadores que estão comigo. Os que estão no grupo são de movimentação e muita qualidade técnica. O que ajuda é que estavam em uma noite boa, onde as jogadas funcionaram. Realmente foi uma partida boa [contra o São Caetano pela terceira fase]"

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade