0
Logo do São Paulo
Foto: Marcos Bezerra / Futura Press

São Paulo

Aguirre elogia Shaylon e revela ter vetado empréstimo do jogador

13 mai 2018
19h57
atualizado em 14/5/2018 às 10h46
  • separator
  • comentários

O meia Shaylon foi o destaque do São Paulo no empate por 2 a 2 com o Bahia, na tarde deste domingo, em Salvador. Autor de gol nos acréscimos, que garantiu a manutenção da invencibilidade do time no Campeonato Brasileiro, o jogador teve a postura profissional elogiada pelo técnico Diego Aguirre, que o utilizou pela primeira vez desde que chegou ao Tricolor.

A última aparição do jovem revelado em Cotia havia ocorrido na derrota por 2 a 0 para o Palmeiras, pelo Campeonato Paulista, em 8 de março, quando Dorival Júnior era o treinador da equipe. Desde então, Shaylon ficou como opção entre os reservas ou nem sequer era relacionado para os jogos.

"Quero valorizar o menino Shaylon, porque ele marcou o gol do empate. Quando acabou o jogo, fui até o campo e falei: 'Você merece'. É um menino espetacular, trabalha em silêncio desde o primeiro dia, um profissional excelente. Ele aproveitou a oportunidade. Somamos mais um jogador e fico feliz por ele", disse o uruguaio, em entrevista coletiva.

Neste domingo, com Cueva liberado para acompanhar o nascimento do filho no Peru, o camisa 20 entrou no lugar de Nenê aos 34 minutos da etapa final. Aos 47, arriscou de fora da área e acertou o ângulo da meta baiana, sem chances para o goleiro Douglas.

"Eu falo que as oportunidades chegam quando um jogador sai, viaja ou machuca. O futebol é assim. Hoje, apareceu espaço para o Shaylon com a saída de Cueva, e ele aproveitou", explicou o treinador.

Questionado se o clube pensou em emprestar o jogador de 21 anos para que ganhasse experiência, Aguirre disse ter vetado negociações com equipes interessadas. Recentemente, o Fortaleza, comandado por Rogério Ceni, fez uma sondagem pelo atleta.

"Sempre falei que o Shaylon iria ficar, porque trabalha bem e teria sua chance. Em nenhum momento o considerei como um jogador que seria emprestado. Muitos times perguntaram por ele, mas falei que iria ficar conosco e jogar", concluiu.

Com o resultado, o São Paulo se tornou a única equipe invicta do Campeonato Brasileiro, com uma vitória e quatro empates. Com sete pontos ganhos, na décima posição, o Tricolor volta a campo no próximo domingo, às 16 horas (de Brasília), para enfrentar o Santos, no Morumbi.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade