PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Meu time

Santos reduz risco de rebaixamento pela metade após derrota do Grêmio

Resultado dos gaúchos na noite de sexta-feira, diante do Bahia, deixou o Peixe com apenas 0,46% de risco de conhecer a Série B em 2022, segundo cálculos da UFMG

27 nov 2021 14h23
| atualizado às 16h07
ver comentários
Publicidade

O Santos sequer entrou em campo na sexta-feira, mas o torcedor alvinegro foi dormir mais feliz e aliviado quanto ao risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro.

Torcedor do Santos foi dormir feliz na noite de sexta, mesmo sem o time jogar (Foto: Pedro Alvarez)
Torcedor do Santos foi dormir feliz na noite de sexta, mesmo sem o time jogar (Foto: Pedro Alvarez)
Foto: Lance!

De acordo com os cálculos da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), a derrota do Grêmio para o Bahia por 3 a 1 reduziu pela metade a chance de o Alvinegro Praiano conhecer a Série B em 2022.

Para ser mais exato, o Peixe, que neste domingo enfrenta o Internacional, em Porto Alegre, tem 0,46% de possibilidades de cair e precisa de muito pouco para zerar de uma vez por todas essa ameaça.

Outros oito times têm mais motivos para temer o "fantasma" do que o time comandado por Fábio Carille. Assim como o Santos, América-MG e Internacional, rival deste domingo, também têm possibilidades de queda, mas elas são ínfimas.

Segundo a UFGM, além da Chapecoense, já rebaixada, as chances de queda para a Segunda Divisão antes dos jogos deste sábado estão assim:

Sport: 99,01%;

Grêmio: 96,7%;

Juventude: 32,4%;

Bahia: 26,9%;

Atlético-GO: 23,4%;

Atlhetico-PR: 9,5%;

São Paulo: 8,7%;

Cuiabá: 2,8%;

Santos: 0,46%;

América-MG: 0,074%;

Internacional: 0,001%.

Lance!
Publicidade
Publicidade