0

Santos recusa nova proposta por Caju e assume risco de prejuízo milionário

17 jul 2019
06h47
atualizado às 06h47
  • separator
  • 9
  • comentários

Impasse entre Santos e Caju continua (Ivan Storti)

O Santos recusou nova proposta do Braga (POR) por Caju nesta semana. O presidente José Carlos Peres prefere assumir risco de prejuízo milionário a liberar o lateral-esquerdo por menos do que o esperado anteriormente.

O Braga ofereceu 200 mil euros (R$ 845 mi) à vista e trocou os 300 mil euros (R$ 1,2 mi) por 10% dos direitos econômicos. O dinheiro seria "líquido" pois Caju e os empresários abririam mão de suas partes. O "não" foi mantido como resposta.

Em contato com a Gazeta Esportiva na última semana, Peres revelou a pedida ao Braga, bem distante do oferecido pelo Braga.

"O Santos não é mais a casa da Mãe Joana. O Santos não pode perder sua soberania. Eles (Braga) queriam pagar 200 mil euros. O Santos quer 1 milhão de euros (R$ 4,2 mi) mais 30% dos direitos econômicos", disse o presidente.

Caju tem contrato até dia 31 de dezembro e pode assinar um pré-acordo para sair de graça em janeiro. O objetivo do lateral, porém, é negociar a liberação imediata.

Em salários, contando encargos, o Santos terá de pagar R$ 1,5 milhão até dezembro se Caju ficar. Sem aceitar a proposta do Braga, o prejuízo pode ficar quatro e cinco milhões de reais.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 9
  • comentários
publicidade