PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Favoritar Time

Santos não terá lateral direito de ofício em decisão contra o Táchira; veja alternativas

5 jul 2022 - 22h34
Ver comentários

Nesta quarta-feira, o Santos recebe o Deportivo Táchira pelo jogo de volta das oitavas de final da Sul-Americana. Para esta partida, o Peixe não terá um lateral direito de ofício à disposição.

Titular absoluto desde que Fabián Bustos assumiu o comando do clube, Madson segue se recuperando de uma lesão muscular na coxa. Ele sofreu a contusão no dia 11 de junho, no empate de 1 a 1 com o Atlético-MG. O defensor está em transição com a preparação física.

O substituto imediato é Auro, que foi contratado neste ano, junto ao Toronto FC, do Canadá. Acontece que o lateral testou positivo para covid-19 e, com isso, também é baixa para o embate contra os venezuelanos.

Dessa forma, Bustos terá que improvisar algum atleta na função. A principal opção é Lucas Braga. O atacante já foi constantemente utilizado na posição e agradou o comandante argentino.

Outra alternativa é puxar um zagueiro para o setor. Caso essa seja a escolha do treinador, Kaiky é um candidato, já que Velázquez acertou a sua rescisão contratual com o clube nesta terça-feira.

Por fim, quem também pode exercer a função é Vinícius Balieiro. O volante, aliás, foi o lateral direito do Santos no jogo de ida, mas não agradou. O garoto foi substituído ainda no intervalo.

O Alvinegro Praiano precisa de uma vitória simples para avançar às quartas de final da Sul-Americana. Na ida, houve um empate de 1 a 1. Em caso de mais uma igualdade, a decisão vai para os pênaltis. A bola rola no gramado da Vila Belmiro a partir das 21h30 (de Brasília).

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade