0

Santos estreia na Copinha para superar polêmica e apagar tropeços recentes

3 jan 2019
20h07
atualizado em 4/1/2019 às 09h22
  • separator
  • comentários

A equipe sub-20 do Santos estreia na 50ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior contra o Sergipe nesta sexta-feira, às 19h (de Brasília), no Estádio Municipal Francisco Ribeiro Nogueira, conhecido como "Nogueirão", em Mogi das Cruzes. O grupo ainda tem União Mogi e São Caetano.

O Peixe terá o comando de Emerson Ballio. O técnico substituiu Leandro Mehlich, demitido após o vazamento de um áudio com críticas aos Meninos da Vila. Ballio teve menos de duas semanas para preparar a equipe, mas demonstra confiança.

"Por mais que eu tenha assumido recentemente, alguns jogadores já trabalharam comigo e isso facilita bastante. O Leandro deixou um trabalho interessante, que estamos dando continuidade. Estamos tendo uma atenção mais no aspecto emocional dos jogadores que é muito importante para que a gente possa superar os problemas que aconteceram", avaliou.

O Alvinegro foi campeão da Copinha em 2014 e, desde então, penou na maior competição de base do país. Um ano depois, foi eliminado na primeira fase. Em 2016, caiu na segunda etapa, para o Ceará. Em 2017, nas oitavas de final para o Avaí. E na temporada passada, caiu nas quartas com um 4 a 0 para o Internacional.

Essa equipe sub-20 foi eliminada precocemente no Campeonato Paulista, Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro e Copa RS em 2018. Na última competição, no Rio Grande do Sul, somou um ponto em três jogos.

O principal destaque é Lucas Lourenço, meia com passagem pelo elenco profissional em 2018. A aposta é Marcos Leonardo, goleador na base e com apenas 15 anos.

Goleiros: Thiago Igor, Breno Sossan e Paulo Mazoti;

Zagueiros: Derick, Matheus Guedes, Felipe Torres, Gabriel Oliveira e Wagner Palha;

Laterais: Fernando Moraes, Charles Oliveira, Rhuan Ferreira e Mikael Doquinha;

Meias: Felipe Carvalho, Tailson, Athos, Weslley Pereira, Lucas Lourenço, Sandry, Alexandre Tam e Giovanni Manson;

Atacantes: Matheus Moraes, Nicolas Bernardo, Wesley Santos, Caio Mota e Marcos Leonardo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade