PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Favoritar Time

Santos cede ao Barcelona o direito de preferência de joias e resolve pendência

17 jan 2022 17h56
| atualizado às 19h17
ver comentários
Publicidade

O Santos anunciou nesta segunda-feira que resolveu a pendência que tinha com o Barcelona, que poderia ocasionar um novo transfer ban em um futuro próximo. No acordo feito entre as partes, o clube deu o direito de preferência de Kaiky e Ângelo ao clube catalão.

"Essa era uma pendência que poderia atrapalhar muito o Santos e que nos preocupava pelo risco de punição junto à Fifa. Mais de um ano de negociação e o acordo foi acertado sem o Santos ter de fazer pagamento algum. Melhor ainda, não teremos de pagar cerca de R$ 20 milhões, que foi a punição imposta em última instância pela Fifa. Agora, podemos seguir adiante, pensando no futuro do Santos ainda mais", comentou o presidente Andres Rueda.

Essa dívida com o Barcelona é de 2016, quando o Peixe não avisou o clube catalão a respeito da negociação do Gabigol com a Internazionale. O Barça tinha a preferência pelo atacante que hoje se destaca no Flamengo.

O clube da Vila foi multado em cerca de R$ 20 milhões e o caso chegou a parar no CAS (Corte Arbitral do Esporte), que deu causa aos espanhóis.

A gestão de Andres Rueda vem se notabilizado por resolver dívidas do Santos com outros clubes. Foram quitadas as dívidas com Hamburgo-ALE, Atlético Nacional-COL, Brugge-BÉL e Huachipato-CHI.

Além disso, a gestão parcelou as pendências financeiras e está pagando em dia o Krasnodar-RÚS, as dívidas trabalhistas e as tributárias, o empresário Giuliano Bertolucci e a Doyen.

"Agora, fechamos o ciclo resolvendo o Barcelona. Estamos empenhados em resolver as pendências e restaurar a credibilidade do nosso Santos", concluiu Rueda.

Ângelo e Kaiky são duas das maiores promessas do Santos atualmente. O primeiro recentemente renovou seu vínculo até 2024 e o segundo tem contrato até novembro de 2023.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade