PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Meu time

Santos abusa dos cruzamentos e perde para o Atlético-GO

Atacante Zé Roberto, que teve passagens pelo Peixe, fez o único gol do jogo deste domingo

25 jul 2021 20h18
| atualizado às 20h24
ver comentários
Publicidade
Kaio Jorge lamenta derrota do Santos para o Atletico-GO
Kaio Jorge lamenta derrota do Santos para o Atletico-GO
Foto: Guilherme Dionizio/Codigo 19 / Gazeta Press

O Santos pressionou, deu mais de 50 cruzamentos, teve bola na trave, gol anulado, mas perdeu por 1 a 0 para o Atlético-GO na noite deste domingo, 25, na Vila Belmiro, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. O único gol do jogo foi marcado pelo atacante Zé Roberto, em cobrança de pênalti.

O resultado acabou com uma invencibilidade de 11 jogos do clube paulista na Vila e deixou a equipe na 11º colocação na classificação, com 16 pontos ganhos. Na próxima rodada, domingo, a equipe enfrenta a Chapecoense, fora de casa.

O jogo

O Atlético-GO começou o jogo deste domingo recuado, esperando o erro do Santos. E ele aconteceu. Aos 19 minutos, Zé Roberto saiu da área e deu bom lançamento nas costas da zaga, Luiz Felipe tentou cortar e errou, Baralhas se antecipou ao goleiro João Paulo e sofreu pênalti. Zé Roberto cobrou e fez o gol do Atlético-GO.

Depois do gol, a pressão do Santos aumentou, mas o Peixe insistiu muito nos cruzamentos. Em um deles, aos 30 minutos, Madson cabeceou e Fernando Miguel mandou para escanteio.

A melhor chance santista no primeiro tempo saiu aos 37 minutos. Marinho recebeu na área e ajeitou para Felipe Jonatan, que soltou uma bomba, mas a bola explodiu na trave do Atlético-GO.

O Santos voltou para o segundo tempo com Lucas Braga na vaga de Luiz Felipe e o time amassou o Atlético-GO perto da sua área e foi empilhando chances. Marcos Guilherme teve chances aos dois e aos 12 minutos, Madson aos 17 e Kaio Jorge aos 19 desperdiçaram oportunidades.

O clube paulista chegou a marcar aos 12. Marinho soltou a bomba de fora da área, a bola bateu no travessão, nas costas do goleiro Fernando Miguel e o uruguaio Carlos Sánchez empurrou para o gol, mas o árbitro marcou impedimento.

O Atlético-GO deu um susto aos 24 minutos. Em contra-ataque, Ronald recebeu na área e chutou na saída de João Paulo, mas a bola bateu no travessão e saiu. Dez minutos depois, Arthur Gomes recebeu sozinho na área e chutou, mas João Paulo salvou o Santos.

O Santos seguiu na pressão, mas insistindo apenas nos cruzamentos para a área não conseguiu vencer a marcação do Atlético-GO.

Lance!
Publicidade
Publicidade