2 eventos ao vivo

Presidente do Santos diz que "faz o impossível" para manter Jorge Sampaoli

7 mai 2019
15h40
atualizado às 15h40
  • separator
  • 0
  • comentários

O presidente do Santos, José Carlos Peres, diz que faz "o possível e o impossível" para manter Jorge Sampaoli. A expectativa é tê-lo pelo menos até o fim do contrato, em dezembro de 2020.

Mais cedo, à Gazeta Esportiva, Peres disse que Sampaoli só sairá do Peixe "se for burro". Há especulação sobre interesse do Flamengo. O argentino já recusou investidas do Atlético-MG e das seleções do Irã e Marrocos.

"Clubes do mundo querem ter Sampaoli como técnico. Fazemos o possível e o impossível para mantê-lo. Esperamos que o contrato (até dezembro de 2020) se cumpra. Vontade dele é continuar", disse Peres, ao SporTV.

"Ele quer continuar e conquistar títulos. Bate com a nossa filosofia, vide o investimento que temos feito. Com jogadores de seleções. Diria que é uma seleção sul-americana", completou.

Na visão da diretoria, Sampaoli "casou" com o clube, mas principalmente com a cidade. O carinho é tão grande a ponto de uma campanha por jogos na Vila Belmiro e até por cachorros liberados na areia da praia. 

Há a frustração de Sampaoli por não contar com um novo centroavante no elenco, mas nada suficiente para querer sair do Peixe neste momento. Na sua apresentação oficial, o treinador disse que substituir Gabigol era prioridade. Quase cinco meses depois, o pedido não foi atendido.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade