0

Presidente do Santos diz que cancelou cartão corporativo

29 jul 2020
15h44
atualizado às 15h44
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O presidente do Santos, José Carlos Peres, diz que cancelou o polêmico cartão corporativo. A utilização indevida foi denunciada pelo Conselho Fiscal. 

De acordo com o CF, Peres admitiu utilização indevida do cartão, "bem como a negligência com as pendências de ressarcimento dos valores". O fato infringe o Estatuto Social em mais de um artigo e pode configurar impeachment e até expulsão do quadro associativo.

Procurado pela Gazeta Esportiva, José Carlos Peres negou a "confissão". O Conselho Fiscal apontou R$ 28.761,65 gastos por motivação pessoal e com reembolso tardio, apenas depois da denúncia. O presidente afirmou por várias vezes usar o cartão corporativo só para reuniões ou necessidades do escritório do clube em São Paulo.

"De jeito algum. Eles querem que o circo pegue fogo. Eu já cancelei o cartão corporativo faz tempo", disse Peres.

O CF recomenda a reprovação das contas do Santos em 2019. O Conselho Deliberativo se reunirá para votar o parecer na próxima segunda-feira, de forma virtual.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade