0

Peres diz que não é "lesma" e afirma que Santos está "morto" se contratar errado

9 jan 2019
00h25
  • separator
  • 0
  • comentários

O presidente do Santos, José Carlos Peres, rebateu as críticas sobre a demora em contratar - o Peixe é o único da Série A do Campeonato Brasileiro sem reforços até o momento.

Peres promete reforços em breve no Peixe, até o dia 15, e reafirma o cuidado em negociar para evitar erros diante de uma situação financeira difícil.

"Nós temos que pensar 50 vezes para não contratar erro. Estamos mortos se contratarmos errado. Santos tem tradição, maior nome do mundo, mas não é só isso que traz dinheiro. Acabou corrupção, acabou tudo. Peço para o torcedor se tornar sócio e adquirir produtos do Santos. Não é que eu sou lerdo, eu não sou lesma. Questão é contratar certo. Não adianta trazer 120 jogadores como na última gestão de baciada. Eu também quero um Santos forte, mas não dá para ter time forte sem estádio. Estamos arrumando a Vila, com roupagem nova, e tenho certeza que teremos Vila e Pacaembu cheios", disse o presidente, à Santa Cecília TV.

O presidente quer "cases de sucesso" nos reforços e elogia Sampaoli, inclusive com o pedido por atletas brasileiros.

"Se for para contratar, tem que ser case. A gente não tem dinheiro para fazer qualquer tipo de asneira. Jogador que venha somar e agregar, entendendo novo treinador e filosofia, exigindo muito dos jogadores, com treinamentos em dois períodos. Tenho lista e estamos trabalhando. Em breve teremos oportunidades, contratações pontuais. Tem jogadores bons chegando e existe a possibilidade de grandes jogadores chegarem, mas contratar sem dinheiro é difícil", afirmou.

"Sampaoli prioriza os brasileiros, o que nos surpreendeu. Normalmente um estrangeiro pede do exterior, até porque no Brasil está cada vez mais difícil. E não é milhões de reais, é de euros ou de dólares", concluiu.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade