0

Marinho vê momento favorável ao Santos e diz que meta é ganhar todos os jogos

Atacante demonstra otimismo na meta do clube de alcançar o Palmeiras na liderança do Brasileiro

16 jul 2019
13h30
atualizado às 13h30
  • separator
  • 0
  • comentários

A retomada do Campeonato Brasileiro foi positiva para o Santos. Além de ter superado o Bahia como visitante, o time conseguiu diminuir a vantagem do Palmeiras na liderança para três pontos, pois o rival empatou o clássico com o São Paulo. Essa situação fez o atacante Marinho avaliar que o momento do time é favorável na busca pela ponta da competição.

"Acho que por tudo que a equipe fez nesse início de Brasileiro, o momento é muito favorável, mas precisamos manter isso. Não adianta começar bem e cair de produção na hora que importa. Vamos continuar trabalhando da melhor forma, com seriedade. O grupo brinca bastante, mas no nosso trabalho, a gente mantém a seriedade e a união, se ajudando", afirmou, em entrevista coletiva no CT Rei Pelé.

Marinho afirma que Santos tem condições de alcançar o Palmeiras
Marinho afirma que Santos tem condições de alcançar o Palmeiras
Foto: Santos FC/Divulgação / Estadão

Para que seja possível ameaçar o Palmeiras, Marinho destaca a necessidade de o Santos triunfar como visitante. Foi o que a equipe conseguiu fazer no sábado, quando passou pelo Bahia no estádio de Pituaçu, e também buscará no próximo domingo, quando vai encarar o Botafogo, no Engenhão.

"Me perguntaram se a gente empatasse contra o Bahia seria um bom resultado, mas eu disse que quem quer ser campeão tem que ganhar todas, mesmo fora de casa. Foi uma grande vitória que nos mantém próximos ao líder", disse, prometendo que o time vai jogar sempre para ganhar, independentemente de atuar como mandante ou fora de casa.

Além disso, Marinho apontou que os jogadores santistas não devem se preocupar nesse momento com os resultados do Palmeiras, pensando em uma partida de cada vez para que seja possível almejar o título até o fim do Brasileirão.

"Nossa equipe está pensando jogo a jogo. Cada jogo tem que ser uma final. Precisamos estar vencendo para sonhar com o título. Isso nos mantém perto do líder", comentou o atacante.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade