PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Favoritar Time

Marcos Leonardo tira lição de empate e vira chave para clássico contra o Palmeiras

24 mai 2022 23h29
ver comentários
Publicidade

Na noite desta terça-feira, o Santos empatou por 1 a 1 com o Banfield, em casa, e avançou para as oitavas de final da Sul-Americana. Autor do único gol do Peixe, Marcos Leonardo analisou o jogo e destacou a lição que a igualdade deixa para o futuro.

"Foi um jogo truncado, criamos chances e o goleiro estava em uma noite inspirada. Creio que foi bom acontecer hoje para a gente aprender. Agora é mata-mata, não podemos cometer os mesmos erros. Aprendemos hoje para, mais na frente, colher os frutos", disse.

O atacante de 19 anos ainda aproveitou para salientar a união do elenco alvinegro.

"Todo atacante gosta de fazer gols, então fico muito feliz por isso. Fico feliz pelo gol e pela classificação. Tenho que dar o mérito para todo o grupo. Somos uma família, trabalhamos muito todos os dias. Estamos nos dando bem. Ganha todos e perde todos. Somos uma família e vamos continuar construindo nossa história no Santos", comentou.

Com o empate, o Alvinegro Praiano fechou a primeira fase da Sul-Americana na liderança do grupo C, com os mesmos 11 pontos do Unión La Calera-CHI, que derrotou a Universidad Católica-EQU por 3 a 2. Os brasileiros levaram vantagem no número de gols marcados. O adversário das oitavas de final será conhecido por sorteio.

Agora, o Santos volta as suas atenções para o Campeonato Brasileiro. No domingo, às 16 horas (de Brasília), o clube recebe o Palmeiras na Vila Belmiro, pela oitava rodada da competição.

"Todo grupo está trabalhando jogo a jogo. Estávamos focados nesse jogo. Agora é virar a chavinha. É clássico, é um jogo muito difícil. A gente vai trabalhar para sair vitorioso", finalizou Marcos Leonardo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade