0

Em decisão, Santos deve repetir equipe titular pela 1ª vez com Sampaoli

25 mar 2019
08h13
atualizado às 08h13
  • separator
  • comentários

O Santos deve repetir pela primeira vez uma escalação sob o comando de Jorge Sampaoli diante do Red Bull Brasil, na próxima terça-feira, às 20h (de Brasília), no Moisés Lucarelli, pelo jogo de volta das quartas de final do Campeonato Paulista.

Depois do 2 a 0 no Pacaembu, o Peixe não deve ter mudanças. A formação com dois zagueiros e dois volantes, com Eduardo Sasha como centroavante, agradou ao técnico. Os selecionados Cueva (Peru), Derlis (Paraguai) e Soteldo (Venezuela) ainda não estarão à disposição.

A provável escalação é: Vanderlei, Victor Ferraz, Aguilar, Gustavo Henrique e Felipe Jonatan; Alison, Diego Pituca e Jean Mota; Carlos Sánchez, Rodrygo e Eduardo Sasha.

Sampaoli é adepto do rodízio, mas, se todos estiverem aptos, a tendência é de manutenção da equipe para a decisão em Campinas. O Alvinegro avançaria à semifinal até com uma derrota por um gol de diferença.

Contando o amistoso com o Corinthians, ainda na pré-temporada, Jorge Sampaoli definiu 18 escalações, todas diferentes. Variações táticas das mais diversas foram utilizadas - três zagueiros, um, dois e três volantes, dois centroavantes, nenhum 9…

O Alvinegro usou 30 jogadores na temporada. Do atual elenco, 10 ainda estão zerados: João Paulo, Cleber, Kaique Rocha, Jackson Porozo, Alan Cardoso, Gabriel Calabres, Guilherme Nunes, Bryan Ruiz, Lucas Lourenço e Tailson.

[video-id="2711536″]

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade