PUBLICIDADE
Logo do Santos

Santos

Favoritar Time

Conselheiros do Santos cobram explicações do presidente sobre 'falsos funcionários'

Documento solicitando esclarecimentos foi encaminhado a Marcelo Teixeira

22 jun 2024 - 07h19
Compartilhar
Exibir comentários

Conselheiros do Santos protocolaram um documento em que solicitam explicações sobre "falsos funcionários", pessoas que se dizem trabalhadoras do clube, mas na prática não teriam cargos. A solicitação foi encaminhada ao presidente Marcelo Teixeira.

Foto: Lance!

No requerimento, protocolado no dia 10 de junho, constam alguns pedidos de informações. Os conselheiros solicitam esclarecimentos sobre quantas pessoas trabalham em departamentos estratégicos do Peixe (jurídico, futebol e administrativo), quem são e as funções detalhadas.

Além disso, também é cobrada uma questão sobre quantos assessores foram nomeados pela presidência, quem seriam e com quais funções.

Qual é o motivo da solicitação dos conselheiros do Santos?

O Lance! apurou que conselheiros estão preocupados com pessoas que se apresentariam como "assessores da presidência". Estes cargos não estariam previstos no estatuto do clube. Por essa razão, um grupo de conselheiros solicitou informações sobre os departamentos para saber quem são as pessoas remuneradas de cada cargo.

Mesmo assim, os conselheiros apoiam a gestão do presidente Marcelo Teixeira e desejam saber pontualmente sobre a questão.

Incômodos

Dentro do Santos, existem incômodos sobre pessoas que não teriam cargos no clube, mas que frequentariam diariamente as instalações como "funcionários". Há impressão de que estas figuras no cotidiano da Vila Belmiro e do CT Rei Pelé podem atrapalhar a gestão. A frustração, inclusive, se estende desde os primeiros meses do ano, mas se agravou com o mau momento do time.

Procurado pela reportagem, o clube nega esta situação e alega que há controle rígido de entrada e saída nas dependências do Peixe.

Lance!
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade