PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Favoritar Time

Com presença do presidente Andres Rueda, Santos se reapresenta após sofrer goleada para o Corinthians

23 jun 2022 15h36
ver comentários
Publicidade

O dia seguinte do Santos ao da goleada sofrida para o Corinthians por 4 a 0, na Neo Química Arena, em São Paulo, foi de muita conversa e entendimento do que houve na partida pela rodada de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Os jogadores se reapresentaram no CT Rei Pelé, em Santos, e contaram com a presença do presidente Andres Rueda na atividade.

Poucas horas depois da derrota que complicou a situação do Santos na competição de mata-mata - a volta está marcada para o próximo dia 13, na Vila Belmiro, e o clube da Baixada Santosta precisa vencer, no mínimo, por quatro gols de diferença -, o objetivo de Rueda no CT foi de conversar com os jogadores, a comissão técnica e o executivo de futebol, Edu Dracena.

O sentimento de vergonha pelo resultado ficou claro no semblante de todos, mas as duras palavras do técnico argentino Fabián Bustos na entrevista coletiva pós-jogo incomodaram os jogadores.

"Eu tinha que trocar todos. Estavam todos mal. Salvo o Marcos Leonardo, o (Lucas) Braga um pouco… João Paulo, que não tinha culpa. Tinha que trocar todos. Entre os que vinham somando minutos, tínhamos de pensar que sábado jogamos de novo. Iam entrar o Ângelo e o Bruno (Oliveira), mas não ia sair o (Vinícius) Zanocelo. Era para criar mais jogo. Tentamos correr um pouco mais", disse Bustos.

Apesar do clima ruim, o Santos não terá muito tempo para buscar a recuperação. Neste sábado, o time enfrenta novamente o Corinthians, dessa vez pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro, também na Neo Química Arena, em São Paulo. Na tabela de classificação, o time santista está na oitava colocação, com 18 pontos. Com 25, o rival do Parque São Jorge é o vice-líder da competição.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade