PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Meu time

Carille arma o Santos para visitar o Juventude com Felipe Jonatan de "ponta"

24 set 2021 06h20
| atualizado às 06h20
ver comentários
Publicidade

O técnico Fábio Carille fez mais mudanças no Santos para a partida contra o Juventude no próximo domingo, às 16h, no Alfredo Jaconi, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Em peças, só há uma alteração: Carlos Sánchez na vaga de Marcos Guilherme. Taticamente, porém, o Peixe foi modificado nos treinamentos.

O ponta pela direita será Marinho, enquanto Felipe Jonatan será praticamente um atacante pela esquerda. Jean Mota é quem apoiará como ala no setor. Havia a ideia de utilizar Madson, mas o lateral-direito ainda não está 100% após apresentar desconforto articular.

O time deve ter Danilo Boza, Emiliano Velázquez e Wagner Palha na zaga e defender numa linha de cinco, com Pará e Felipe Jonatan. Com a bola, em contrapartida, Camacho fica à frente da defesa, Pará e Jean Mota apoiam pelo meio, Sánchez é o meia, Marinho e Felipe Jonatan abrem e Léo Baptistão é o centroavante.

Esse é o desenho inicial, mas Carille tem estimulado a movimentação no ataque, até porque Marinho e Léo Baptistão têm a flutuação como característica. O técnico quer que o sistema ofensivo confunda a defesa adversária para acabar com o jejum.

O Santos não vence há nove jogos e só fez um gol nas últimas seis partidas. O Peixe é o 14º colocado no Campeonato Brasileiro, a um ponto da zona de rebaixamento.

A provável escalação é: João Paulo, Danilo Boza, Emiliano Velázquez e Wagner Palha; Pará, Camacho, Carlos Sánchez, Jean Mota e Felipe Jonatan; Marinho e Léo Baptistão.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade