PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Favoritar Time

Bustos explica retorno de Sánchez aos jogos do Santos e fala sobre momento de Goulart

3 jul 2022 - 08h15
Ver comentários

Depois de ficar 100 dias sem jogar, Carlos Sánchez voltou a ganhar oportunidades no Santos. Após ser decisivo no empate de 1 a 1 com o Deportivo Táchira-VEN na última quarta-feira, ele foi mais uma vez acionado pelo técnico Fabián Bustos neste sábado, na derrota de 2 a 1 para o Flamengo.

Em entrevista coletiva, o comandante explicou os motivos que deixaram o meio-campista uruguaio tanto tempo sem entrar em campo e.

"Sánchez é um grande jogador, tem hierarquia e uma carreira excelente. Ele não vinha sendo relacionado antes porque não tinha condições. No último jogo, entrou e deu assistência. Ele melhorou a sua condição física. E ainda temos o tema dos estrangeiros, de quantos podemos ter", disse.

Outro jogador experiente que busca retomar o seu espaço é Ricardo Goulart. Depois de brilhar no começo do ano, o camisa 10 caiu de rendimento nos últimos meses e, com isso, vem amargando o banco de reservas com frequência.

O meia de 31 anos ficou três compromissos seguidos sem atuar e voltou a ser utilizado neste sábado. Ao todo, ele jogou por 18 minutos diante do Flamengo.

"O Ricardo tem jogado muito com a gente e não jogou três jogos e por um tema médico. Ele fez um tratamento médico para melhorar sua condição física. Queremos colocar os que estão melhor e nos ajudem a conseguir o resultado. Hoje estou com ele, mas amanhã não sei", finalizou Bustos.

Agora, a dupla espera voltar a ganhar chances nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), quando o Santos recebe o Deportivo Táchira-VEN, pelo jogo de volta das oitavas de final da Sul-Americana. Na ida, houve um empate de 1 a 1.

Já o próximo compromisso do Peixe no Brasileirão está marcado para sábado, às 18 horas, contra o Atlético-GO, na Vila Belmiro.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade