0

Após liminar, Santos tenta proibir time de futebol americano no CT

9 fev 2019
12h10
  • separator
  • comentários

O Santos quer proibir o Tsunami, time de futebol americano, de treinar ou jogar no CT Meninos da Vila. A equipe, porém, conseguiu o direito na Justiça.

O Peixe alega que rescindiu o contrato e o Tsunami acaba com gramado do centro de treinamento. Em contrapartida, o Alvinegro é acusado de quebrar o acordo em vigência de maneira ilegal por questões políticas. O Santos recorre da tutela antecipada.

"Rescindimos o contrato com o Tsunami porque eles moem os gramados do CT Meninos da Vila, mas entraram com uma liminar para utilizar o local. Eles arrebentam tudo, mancham o gramado com tinta forte… Recorremos. O juiz aceitou a mentira deles de que houve rescisão por política. Levamos as provas para análise e entramos para derrubar e liminar deles", disse o presidente José Carlos Peres, à Gazeta Esportiva. 

O vice-presidente licenciado Orlando Rollo apoiava o Santos Tsunami. Membro da equipe, Rodrigo Zang Galvão foi demitido do Peixe após o processo de impeachment. Ele era gerente de esportes olímpicos do clube.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade