PUBLICIDADE
Logo do

Ponte Preta

Meu time

Ponte Preta freia arrancada do Avaí na Série B com empate na Ressacada

Copete abre o placar para o time da casa no primeiro tempo e Léo Naldi iguala na etapa final

5 out 2021 23h20
| atualizado às 23h20
ver comentários
Publicidade

A Ponte Preta segurar um empate por 1 a 1 na noite desta terça-feira, diante do Avaí, em pleno Estádio da Ressacada, em Florianópolis, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O time catarinense foi superior no primeiro tempo, mas viu o adversário crescer na etapa final, principalmente após nova expulsão do volante Bruno Silva.

Com o resultado, o Avaí foi aos 50 pontos, mas poderá ainda deixar o G-4 ao final da rodada. A Ponte Preta, por sua vez, chegou aos 34 pontos e se manterá, mais uma vez, fora da zona de rebaixamento. O time campineiro não vence há três rodadas.

O domínio do primeiro tempo foi do Avaí. A Ponte Preta conseguiu neutralizar o adversário por 20 minutos, mas o clube catarinense cresceu e contou com a bela pontaria do atacante Copete para fazer 1 a 0. De primeira Bruno Silva achou o ex-santista dentro da área. Ele cortou a marcação e colocou no ângulo para superar Ygor Vinhas. O goleiro havia feito grande defesa, um pouco antes, na tentativa de Vinícius Leite.

Sem a mesma leveza do Avaí, que briga pela liderança da competição, a Ponte Preta começou a errar lances bobos e praticamente não ameaçou o gol defendido por Glédson. Gilson Kleina tentou adiantar seus laterais e centralizou Moisés. Mas os arremates foram pela linha de fundo. Sem pressa, o clube catarinense foi administrando a vantagem até o árbitro assinar o fim do primeiro tempo.

A etapa complementar foi de adrenalina pura, ao menos, nos primeiros minutos. O Avaí chegou a sentir o gostinho do gol com a bola de Bruno Silva que bateu no travessão. Como quem não faz, toma, o castigo veio logo na sequência. Aos quatro, Moisés deixou com Kevin, que lançou para Léo Naldi, de cabeça, deixar tudo igual.

O jogo voltou a ficar equilibrado e com poucas oportunidades de gol. A Ponte Preta esteve mais consistente e ameaçou pela esquerda, sempre com Rafael Santos. A situação do Avaí piorou quando Bruno Silva fez falta em André Luiz e acabou expulso. Com um homem a mais, o time campineiro pressionou, mas, no último lance, a bola de Josiel passou rente à trave.

Na próxima rodada, a Ponte Preta enfrenta o Náutico no dia 15 de outubro (sexta-feira), às 21h30, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP). No dia 16 (sábado), às 21h, o Avaí visita o Confiança, no Batistão, em Aracaju (SE).

FICHA TÉCNICA

AVAÍ 1 X 1 PONTE PRETA

AVAÍ - Glédson; Edilson, Betão, Fagner Alemão e Diego Renan (João Lucas); Bruno Silva, Jean Cléber e Lourenço (Jadson); Vinícius Leite (Valdívia), Jonathan (Romulo/Wesley Soares) e Copete. Técnico: Claudinei Oliveira.

PONTE PRETA - Ygor Vinhas; Kevin, Ednei, Fábio Sanches e Rafael Santos; Marcos Júnior, Léo Naldi (Lucas Cândido) e André Luiz (Camilo); Richard (Iago), João Veras (Josiel) e Moisés. Técnico: Gilson Kleina.

GOLS - Copete, aos 30 minutos do primeiro tempo. Léo Naldi, aos 4 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Dyorgines Jose Padovani de Andrade (ES).

CARTÕES AMARELOS - Betão e Wesley Soares (Avaí).

CARTÃO VERMELHO - Bruno Silva (Avaí).

LOCAL - Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).

Estadão
Publicidade
Publicidade