1 evento ao vivo

Jorginho volta a fechar treino da Ponte antes da decisão

3 dez 2013
21h47
atualizado às 21h47
  • separator
  • 0
  • comentários

Assim como vem fazendo desde as oitavas de finais, o técnico Jorginho fechou a primeira parte do último treinamento antes do primeiro jogo da final contra a Sul-Americana para a imprensa. Nesta quarta-feira, a Ponte Preta enfrenta o Lanús, às 21h50 (horário de Brasília), no Estádio do Pacaembu.

<p>Jorginho não vai fazer mudanças em relação ao time que eliminou o São Paulo</p>
Jorginho não vai fazer mudanças em relação ao time que eliminou o São Paulo
Foto: Gil Leonardi / Agência Lance

Contando apenas com o desfalque do meia Adrianinho - suspenso por cinco jogos pela expulsão diante do Vélez Sarsfield nas quartas de finais -, Jorginho já havia revelado que não faria mudanças em relação ao time que eliminou o São Paulo na semana passada. O treinamento fechado, porém, foi realizado para trabalhar algumas questões táticas.

"Somos pequenos e temos de jogar como pequenos. Mesmo porque o time encaixou dessa forma. Procuramos descansar bem os jogadores, fazer um trabalho mais de posicionamento tático levando em conta como o time deles joga", comentou Jorginho, depois do treinamento que marcou o reconhecimento do gramado do Pacaembu.

Sem mistério e com os jogadores descansados - os titulares foram poupados da partida de domingo, contra a Portuguesa -, a Ponte Preta vai entrar em campo nesta quarta-feira com Roberto; Artur, César, Diego Sacoman e Uendel; Baraka, Fernando Bob, Fellipe Bastos e Elias; Rildo e Leonardo.

Prevendo um jogo bastante complicado e de muita catimba por parte dos argentinos, Jorginho disse que a Ponte Preta também precisa entrar com sangue nos olhos nesta quarta-feira, mas sem deixar de lado o equilíbrio emocional.

"Precisamos ter equilíbrio emocional e sangue nos olhos. É entrar ligados, mas equilibrados. Não tenha dúvida que é importante ter pessoas no grupo que já passaram por essa situação, falam coisas de incentivo e pilham os jogadores", afirmou o treinador.

Depois dessa quarta-feira, os dois times voltam a se enfrentar na próxima semana, às 21h50 (horário de Brasília), no Estádio La Fortaleza, em Lanús, pelo jogo de volta da final da Copa Sul-Americana. Diferente das outras fases, gols marcados fora de casa não tem peso maior.

Fonte: André Regi Esmeriz - Especial para o Terra André Regi Esmeriz - Especial para o Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade