0

Com virada e gol de Roger, Ponte Preta vence o Paraná Clube

25 mai 2019
18h30
atualizado em 27/5/2019 às 18h43
  • separator
  • 0
  • comentários

Em um jogo de viradas e belos gols no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, a Ponte Preta bateu o Paraná Clube por 4 a 2, e segue em franca recuperação na Série B do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, a Macaca chegou aos oito pontos, na sétima colocação. Já o Tricolor caiu para a 13ª colocação, com seus pontos.

O time da casa abriu a contagem aos 22 minutos, com Edson aproveitando escanteio para desviar e balançar a rede. João Pedro, aos 36 minutos, deixou tudo igual. O meia paranista decretou a virada aos 39 minutos, com um belo gol. Depois do intervalo, Roger, de volta ao time, empatou aos 21 minutos. A nova virada veio com Abner, com um golaço, aos 27 minutos. Marquinhos fechou o placar, aos 45 minutos.

Na próxima rodada, a Ponte Preta encara o Cuiabá, sábado, na Arena Pantanal. Já o Paraná Clube terá pela frente o Oeste, no mesmo dia, na Vila Capanema.

O jogo - A Macaca começou a partida tentando impor seu ritmo, apostando nas investidas do atacante Roger. Aos dois minutos, Roger ajeitou para Matheus Vargas arrematar nas mãos de Thiago Rodrigues. Aos quatro minutos, a ajeitada do atacante foi para Marcondele, que mandou por cima da meta. O Tricolor apareceu pela primeira vez aos oito minutos, em testada firme de Sciola após cobrança de escanteio e complementação de Rodolfo, que obrigou Ivan afazer boa intervenção.

A disputa ficou mais equilibrada e, aos 12 minutos, Ramon arriscou o chute cruzado e a bola passou com perigo. A resposta veio aos 15 minutos, com Renan Fonseca desviando de cabeça na área para a defesa afastar o perigo. A Ponte voltou a pressionar e, aos 21 minutos, Abner aproveitou cruzamento de Abner para testar e ganhar escanteio após desvio e toque na trave. Após a cobrança, Edson desviou com alguma liberdade e balançou a rede.

O Tricolor sentiu o gol e se desarrumou em campo. Aos 33 minutos, Roger teve tempo para dominar a bola, girar o corpo e escolher o ângulo para arrematar e obrigar Thiago Rodrigues a salvar mais uma vez. Mas, aos 36 minutos, Ramon cruzou e João Pedro, aproveitando vacilo da zaga, matou a bola e finalizou no cantinho para deixar tudo igual. O Paraná acordou e, aos 39 minutos, João Pedro acertou um raro chute de primeira, no ângulo, para virar o placar.

Para a segunda etapa, a Macaca voltou com Marquinhos no lugar de Marcondele. O jogo voltou mais truncado após o intervalo. Aos seis minutos, Matheus Vargas cogrou falta e Thiago Rodrigues tirou de soco o perigo. Aos nove minutos, Marquinhos fez a jogada e mandou para a área. A bola ficou no meio da confusão e ninguém conseguiu o arremate.

A Ponta buscava a pressão e, aos 14 minutos, Roger recebeu na entrada da área, mas na hora do chute praticamente recuou a para Thiago Rodrigues. Estava difícil entrar na defesa paranista. Aos 18 minutos, Gerson Magrão cobrou falta e Renan Fonseca desviou de cabeça, por cima da meta, sem perigo. Até que, aos 21 minutos, Roger aproveitou bola que sobrou de disputa de Matheus Vargas para mandar uma bomba e empatar a partida.

A Macaca se empolgou e, aos 27 minutos, Abner acertou um chute de longe, no ângulo, para fazer um belo gol na partida e decretar nova virada. Já no desespero, sem apresentar a mesma eficiência, o Paraná chegava timidamente. Aos 37 minutos, Matheus Anjos cobrou falta de longe e isolou. Alesson tentou o chute, aos 42 minutos, e Ivan defendeu sem dificuldade para garantir o resultado. Ainda deu tempo para Marquinhos fechar o placar, aos 45 minutos.

PONTE PRETA 4 X 2 PARANÁ CLUBE

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)

Data: 25 de Maio de 2019, sábado

Horário: 16h30 (de Brasília)

Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)

Assistentes: Jean Marcio dos Santos (RN) e Flávio Gomes Barroca (RN)

Cartões amarelos: Roger, Gerson Magrão, Ivan e Edson (Ponte); Sciola e Jenison (Paraná)

Gols

PONTE PRETA: Edson, aos 22 minutos do primeiro tempo; Roger, aos 21 minutos, Abner, aos 27 minutos e Marquinhos, aos 45 minutos do segundo tempo

PARANÁ CLUBE: João Pedro, aos 36 minutos e aos 39 minutos do primeiro tempo

PONTE PRETA: Ivan; Matheus Alexandre, Renan Fonseca, Airton e Abner; Camilo (Rafael Longuine), Edson, Gerson Magrão, Marcondele (Marquinhos) e Matheus Vargas (Dadá); Roger

Técnico: Jorginho

PARANÁ CLUBE:Thiago Rodrigues; Éder Sciola, Eduardo Bauermann, Rodolfo e Guilherme Santos; Luiz Otávio, Itaqui (Caio Rangel) e Matheus Anjos; João Pedro (Fernando Neto), Jenison e Ramon (Alesson).

Técnico: Matheus Costa

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade