1 evento ao vivo
Logo do Paraná
Foto: Divulgação

Paraná

Boa Esporte vence e interrompe reação do Paraná

5 ago 2017
21h42
atualizado às 21h42
  • separator
  • comentários

O Boa Esporte fez valer o mando de campo e, em um jogo tumultuado, bateu o Paraná Clube por 2 a 0, no estádio Melão, interrompendo a reação do adversário dentro da Série B do Campeonato Brasileiro, Com o resultado, a equipe boveta chegou aos 28 pontos, na oitava colocação. Já o Tricolor, com 27 pontos, caiu para a nona posição.

Em uma partida bastante truncada, o time mineiro conseguiu abrir a contagem, aos 20 minutos, com Douglas Assis, que subiu no meio da zaga paranista para testar e marcar. Depois do intervalo, Reias, aos 15 minutos, marcou o segundo aproveitando rebote de cobrança de pênalti. Rafhael Lucas, aos 28 minutos, descontou.

Na próxima rodada, o Paraná Clube enfrenta o ABC, sábado, na Vila Capanema, em Curitiba. Já o Boa Esporte encara o Vila Nova, sexta-feira, no Serra Dourada, em Goiânia.

O jogo - O jogo começou truncado, com o time da casa buscando manter a posse de bola e o Tricolor apostando no contra-ataque. Aos quatro minutos, Felipe Augusto fez o lançamento por cobertura e Daniel teve que dar um tapa para afastar o perigo. Aos dez minutos, Renatinho cobrou falta na área, Alemão disputou e Escobar apareceu para tirar.

Os times mostravam vontade, mas o jogo era tecnicamente ruim, com algumas trombadas feias, como a disputa de Brock no ar, que acabou ocasionando um corte na testa do zagueiro. Aos 19 minutos, Rais pegou sobra de bola e chutou pela linha de fundo. Mas, aos 20 minutos, cobrança de escanteio para Douglas Assis subir no meio da zaga e empurrar para o fundo da rede.

O Tricolor tentou reagir e, aos 22 minutos, Gabriel Dias desviou de cabeça na área e Daniel fez grande defesa. Aos 26 minutos, Brock atingiu comum chute o próprio companheiro, Igor, que caiu desmaiado e foi levado de ambulância para o hospital. Porém, o jogo precisou aguardar mais de 30 minutos o retorno do veículo para ser reiniciado. Coma bola rolando, um minuto depois, Casagrande sentiu uma lesão e Eduardinho entrou. Aos 38 minutos, Thaciano saiu lesionado para entrada de Wesley. Três mudanças por lesão só no primeiro tempo.

Para a segunda etapa, as equipes não voltaram com novas mudanças. Aos quatro minutos, Renatinho fez a jogada e cruzou fechado, mas ninguém conseguiu aproveitar. No lance os jogadores do Paraná ficaram reclamando toque de mão, não marcado pela arbitragem. Mas, aos 13 minutos, Paulinho cruzou e Brock tocou a cão na bola. Pênalti marcado que Reis cobrou, parou em Richard, mas aproveitou a sobra.

O Tricolor da Vila não fazia uma boa apresentação mas, aos 28 minutos, Rafhael Lucas aproveitou falha defensiva e cruzamento de Robson para descontar. A resposta veio aos 30 minutos, com uma bomba de Diones, pela linha de fundo. Aos 35 minutos, Juan fez o cruzamento e Maidana apareceu na hora exata para cortar. Já no desespero, Cristovam recebeu, aos 41 minutos, bateu de longe, fraco. Nos acréscimos, Robson tocou na saída do goleiro e Laércio salvou em cima da linha. Primeira derrota de Lisca no comando do Paraná.

BOA 2 X 1 PARANÁ

Local: estádio Dilzon Melo, em Varginha (MG)

Data: 05 de agosto de 2017, sábado

Horário: 19 horas (de Brasília)

Árbitro : Alisson Sidnei Furtado (TO)

Assistentes: Cipriano da Silva Sousa (TO) e Samuel Smith Nobrega Silva (TO)

Cartões amarelos : Escobar, Laércio, Douglas Assis e Daniel (Boa); Alemão (Paraná)

Gols

BOA ESPORTE: Douglas Assis, aos 20 minutos do primeiro tempo e Reis, aos 15 minutos da segunda etapa

PARANÁ: Rafhael Lucas, aos 28 minutos do segundo tempo

BOA ESPORTE: Daniel; Ruan, Douglas Assis, Laércio e Paulinho; Escobar, Diones e Rodolfo (Ramon); Thaciano (Wesley), Reis e Casagrande (Eduardinho)

Técnico: Nedo Xavier

PARANÁ: Richard; Cristovam, Brock, Maidana, Igor (Rayan); Gabriel Dias (Rafhael Lucas), Leandro Vilela, Renatinho; Felipe Augusto (Felipe Alves), Robson e Alemão

Técnico: Lisca

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade