11 eventos ao vivo

Paradinha Esportiva

Uma vez Flamengo, sempre Flamengo, menos em São Paulo

Getty Images / Goal

Polícia Militar e Ministério Público impedem torcedores do Mengão de ver o time do coração no estádio do Palmeiras

30 nov 2019
12h52
atualizado às 14h45
  • separator
  • 0
  • comentários

 

É preciso ter muita paciência para ser torcedor de futebol em São Paulo. Se não bastasse a ideia estapafúrdia de criar a torcida única nos estádios em clássicos paulistas, a PM e o Ministério Público impediram os flamenguistas que moram na Capital (que não são poucos) de festejar com o time os títulos do Brasileiro e da Libertadores. Alegando falta de segurança, eles pediram e foram atendidos pela CBF. No jogo de amanhã, só palmeirenses poderão entrar no estádio.

 

É muita incompetência. E pensar que a tal bandeira da segurança nos estádios ajudou a eleger promotores que ganharam fama, mas nunca resolveram o problema. Aí, mesmo sabedores de que a violência em sua grande maioria sempre ocorreu fora dos estádios,  proibiram a presença de torcedores rivais em clássicos. Ou seja a maioria foi punida porque as autoridades não conseguiram afastar a minoria violenta dos estádios.

 

E agora como é que fica o Flamengo que no primeiro turno cumpriu o regulamento e destinou 10% dos ingressos para os torcedores do Palmeiras no Maracanã? A diretoria rubro-negra fez certo em reclamar e o jogo deveria mesmo ser realizado com os portões fechados já que a polícia se julga incompetente para dar segurança ao espetáculo. O precedente aberto com essa decisão pode criar uma desigualdade na próxima temporada. Pobre torcedor de São Paulo, pobre torcedor paulista.

 

Paradinha Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade