3 eventos ao vivo

Mas será possível Benedetti? Racismo é crime, não tem desculpa

Afastado pela Rádio Energia 97, Fabio Benedetti falou que iria mandar atacante Marinho pra senzala

31 jul 2020
19h33
atualizado às 20h00
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

 

É sempre assim. O cara comete uma injúria racial, percebe o tamanho da repercussão e pede desculpas. Foi assim agora com o chef Fabio Benedetti, que nas horas vagas é comentarista da Rádio Energia 97.

Marinho foi alvo de comentários racistas, após ser expulso na derrota para a Ponte Preta (Foto: Reprodução/Instagram)
Marinho foi alvo de comentários racistas, após ser expulso na derrota para a Ponte Preta (Foto: Reprodução/Instagram)
Foto: LANCE!

Ele chamou Marinho de burro, disse que ele iria pra senzala e depois se desculpou, como se isso fosse suficiente. Só que com racismo não tem perdão não, Benedetti. Felizmente, a Rádio já afastou o comentarista, o Santos se manifestou contra o episódio racista e a Associação dos Cronistas Esportivos de São Paulo também pediu providências.

Todos contra o racismo. Marinho aceitou as desculpas de Benedetti, mas chorou ao falar sobre o episódio. Deveria seguir até o fim, porque racismo é crime e tem que ser punido. Porque aí outros Benedettis vão pensar duas vezes antes de soltarem ofensas raciais.

 

Veja também:

Mostramos o cenário na briga pelo prêmio de melhor do mundo
Paradinha Esportiva Paradinha Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade