0

Hernanes pode ser o Raí de 98 e levar Tricolor ao título

Meia ficou quase um mês parado, entrou no segundo tempo do clássico e mudou a cara do Tricolor

15 abr 2019
16h03
atualizado às 16h03
  • separator
  • 1
  • comentários

São Paulo e Corinthians ficaram no 0 x 0. O Tricolor alcançou o terceiro jogo sem fazer um mísero gol. Para o Timão, foi a segunda partida sem balançar a rede. A ausência de gols dos finalistas tomou de assalto as manchetes e deixou em segundo plano a grande atuação de Hernanes.

Com a entrada do Profeta no segundo tempo, o São Paulo cresceu em campo, ganhou confiança e quase chegou ao tão sonhado gol. Dos pés de Hernanes, surgiram as melhores oportunidades, incluindo dois belos chutes.

Hernanes durante o jogo entre São Paulo x Corinthians pela final do Campeonato Paulista 2019
Hernanes durante o jogo entre São Paulo x Corinthians pela final do Campeonato Paulista 2019
Foto: Sergio Barzaghi / Gazeta Esportiva

Ausente do mata-mata até então, Hernanes pode ser para o time atual o que o Raí foi para o São Paulo de 98. Naquele ano, o regulamento do Paulistão permitiu que o recém-contratado atuasse no jogo final, quando fez a diferença na vitória de 3 x 1.

Recuperado de contusão, Hernanes voltou justamente na decisão e tem uma semana para entrar no ritmo para poder disputar os 90 minutos. Tem cacife para liderar a garotada rumo ao sonhado título.

Ok, falta combinar com o Corinthians, que deve ser mais ofensivo atuando em seu estádio e, principalmente, com Cássio. O equilíbrio deve prevalecer outra vez, mas o bom e velho Hernanes pode roubar a cena e as manchetes.

Veja também:

 

Paradinha Esportiva
  • separator
  • 1
  • comentários
publicidade