0

E daí que já morreram 200 mil ? A vida continua né Jair?

Que venha a vacina para trazer esperança para um país que já viu 200 mil pessoas morrerem

8 jan 2021
08h57
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Sem vacina até agora e sem fazer nada para evitar que novas mortes ocorram, o presidente Jair Bolsonaro disse que lamentava as 200 mil mortes, mas ressaltou que a vida continua. 

Parentes acompanham sepultamento de homem que morreu por Covid-19, em cemitério em São Paulo
REUTERS/Amanda Perobelli
Parentes acompanham sepultamento de homem que morreu por Covid-19, em cemitério em São Paulo REUTERS/Amanda Perobelli
Foto: Reuters

Enquanto presidentes de vários países decretaram lockdows assim que a doença saía do controle, Bolsonaro sempre minimizou a Covid-19, lavou as mãos e quis boicotar os Estados que tomaram medidas para tentar controlar a pandemia. Previu a morte de 800 pessoas no início do coronavírus, chamou de gripezinha e receitou remédios que não têm e não tinham nenhum efeito comprovado.

Em 1950, 200 mil pessoas choraram a derrota do Brasil para o Uruguai, na final da Copa do Mundo, no Maracanã. Sim, o mesmo número de mortes que hoje lamentamos, principalmente porque muitas delas poderiam ter sido evitadas.  Isso se houvesse um governo mais preocupado com as pessoas e não apenas com números.

Felizmente, temos o Instituto Butantã. Viva o Butantã! Viva o SUS! Vacina para todos. 

 

Veja também:

Após Supremo validar prisão, Alexandre agenda audiência de custódia de Daniel Silveira
Paradinha Esportiva Paradinha Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade