0

Primeira convocação de Menino teve surpresa e emoção com a mãe: "Choramos juntos"

18 set 2020
18h34
atualizado às 20h07
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Como apenas 19 anos de idade, Gabriel Menino foi nesta sexta-feira convocado pelo técnico Tite para defender a Seleção Brasileira principal pela primeira vez na carreira. Surpreso ao ser informado da novidade, o jovem e versátil jogador do Palmeiras chorou ao lado da mãe.

A CBF publicou a lista para os primeiros dois jogos pelas Eliminatórias Sul-Americanas às 12h30 (de Brasília). Chamado como lateral direito, Gabriel Menino sabia que os relacionados seriam conhecidos nesta sexta, mas, sem expectativa por ser convocado, nem acompanhou a divulgação.

"No momento, eu estava almoçando com minha mãe. Meu empresário ligou e deu parabéns. Pensei que fosse pelo gol (contra o Bolívar), mas ele disse: 'Você vai vestir a amarelinha'. Eu falei: 'A amarelinha?'. Então, ele mandou o vídeo. Eu me emocionei, fui para o meu quarto. Minha mãe também se emocionou e choramos juntos", contou.

Durante sua trajetória na base do Palmeiras, Gabriel Menino foi chamado para defender a Seleção Brasileira Sub-20 e, inclusive, disputou o Sul-Americano da categoria em 2019. Atuar pelo time principal estava nos planos, porém não de maneira tão precoce.

"Eu me surpreendi, sim. Sabia que teria a convocação hoje e é claro que a gente sonha em ser convocado, mas não esperava que fosse já. Só tenho que agradecer a Deus pela oportunidade e, agora, é agarrar com as duas mãos", afirmou, com apenas 25 partidas como profissional.

Chamado para os jogos contra Bolívia (9 de outubro, em São Paulo) e Peru (13 de outubro, em Lima), Gabriel Menino desfalcará o Palmeiras nas partidas diante de Botafogo e São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro. A depender da logística de retorno, ele também pode perder o confronto com o Coritiba.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade