0

Morte de João Gaveta faz 35 anos: veja filme sobre torcedor símbolo do Palmeiras

30 nov 2019
09h08
atualizado às 09h08
  • separator
  • 0
  • comentários

Um dos personagens mais pitorescos da história da Sociedade Esportiva Palmeiras morreu há exatos 35 anos. Querido pelos ídolos da Academia de Futebol e temido pelos árbitros, o italiano Giovanni Capalbo, mais conhecido como João Gaveta, foi o torcedor símbolo do clube alviverde.

Por atribuir todas as derrotas do Palmeiras à arbitragem, alegando que o "juiz estava na gaveta", ele ganhou o inusitado apelido. Falecido em 30 de novembro de 1984, João Gaveta foi enterrado no túmulo oficial do clube ao lado dos ex-jogadores José Romeiro e Segundo Villadoniga, no cemitério do Araçá.

Em 2014, ano do centenário do Palmeiras, a Gazeta Esportiva publicou o documentário "O Incrível João Gaveta". A partir do depoimento de ídolos como Ademir da Guia e Dudu, além de entrevistas com amigos e historiadores, o filme reconstrói a trajetória do antigo imigrante italiano, famoso por rasgar súmulas em caso de derrota do time do coração.

João Gaveta frequentava o Palmeiras diariamente e torcia pelo clube em todas as modalidades, do basquete ao hóquei sobre patins. Personagem folclórico, superou as próprias limitações para ser considerado o torcedor símbolo, com permissão para viajar ao lado da delegação e acesso ao vestiário.

O documentário mostra também as obras de construção do Allianz Parque e cita alguns dos principais momentos da história centenária do Palmeiras, como a Arrancada Heroica e os títulos da Academia. Realizado com apoio da Gazeta Esportiva e fotos da agência Gazeta Press, o filme ainda trata da elitização do futebol e suas consequências.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade