3 eventos ao vivo

Luxemburgo revela que Patrick de Paula pediu para bater o quinto pênalti do Palmeiras

Volante de 20 anos acertou a cobrança de pênalti que deu o título do Campeonato Paulista

8 ago 2020
19h16
atualizado às 20h27
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Coube ao volante Patrick de Paula, de 20 anos, bater o último pênalti da final do Campeonato Paulista, algo que pegou muita gente de surpresa. O jogador acertou a cobrança, na vitória por 4 a 3 nas penalidades, após empate em 1 a 1 no tempo normal, e deu o título estadual para o Palmeiras em cima do Corinthians, neste sábado, no Allianz Parque. Após o jogo, o técnico Vanderlei Luxemburgo revelou que o garoto foi quem pediu para bater a decisiva cobrança.

"O Patrick de Paula chegou para nós e falou que queria bater o quinto pênalti. Eu perguntei 'por que você quer bater?'. E ele 'porque eu quero bater'. Me perguntam por que eu coloquei um jovem para bater o último, mas eu não posso bater, tenho 68 anos e nem consigo chutar mais a bola. Há dois anos e meio ele estava jogando pelada de favela. Onde ele mora o tiro come pra lá e pra cá, não está nem aí para bater pênalti. Ele nasceu jogador de futebol, não vai tremer nunca. Vai amadurecer ao longo do tempo", disse o comandante palmeirense.

Após o clássico, Patrick de Paula comemorou a conquista. "Estou muito feliz, trabalhei bastante para estar aqui comemorando esse título com meus companheiros. Treinei bastante cobranças de pênalti durante a semana, fui bem concentrado e pude dar alegria para a torcida do Palmeiras", afirmou o volante, ainda no gramado.

Patrick de Paula já havia sido o herói na semifinal, ao marcar o gol do Palmeiras na vitória sobre a Ponte Preta. O jovem vive fase especial apenas três anos após disputar a Taça das Favelas. Na competição de várzea, ele chamou atenção do Palmeiras com suas atuações pelo Cara Virada, time de um projeto criado na região de Santa Margarida, zona oeste do Rio de Janeiro.

O volante foi campeão do Campeonato Brasileiro Sub-20 no ano passado e passou a ser utilizado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo como titular nesta temporada. Em março, ele renovou contrato com o Palmeiras até o fim de 2024.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade