PUBLICIDADE
Logo do

Palmeiras

Favoritar Time

Endrick, Luis Guilherme e Vareta obtêm feito inédito na história da base do Palmeiras

Garotos são os únicos a terem títulos oficiais em todas as categorias abaixo do profissional com a camisa alviverde

27 jun 2022 - 10h31
(atualizado às 11h05)
Ver comentários
Publicidade

Com a conquista da Copa do Brasil Sub-17 de 2022 sobre o Vasco pelo placar agregado de 6 a 5, três jogadores do Palmeiras alcançaram um feito inédito na história do clube. Endrick, Luis Guilherme e Gabriel Vareta são os únicos a terem conquistado títulos oficiais em todas as categorias do futebol de base, do sub-11 ao sub-20.

Endrick, Luis Guilherme e Vareta são membros de uma história vitoriosa da base (Foto: Reprodução/TV Palmeiras)
Endrick, Luis Guilherme e Vareta são membros de uma história vitoriosa da base (Foto: Reprodução/TV Palmeiras)
Foto: Lance!

GALERIA

Com oito gols marcados, Endrick foi o artilheiro do torneio. Além disso, o atacante se isolou como o jogador do Verdão que mais vezes balançou as redes pela competição. Ao todo, são 13 tentos na conta.

Além da disputa em questão, o atleta já conquistou os Paulistas Sub-11, Sub-13, Sub-15 (duas vezes), Sub-20, e a inédita Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2022.

- É inexplicável. Tenho que agradecer muito a Deus porque não foi um jogo fácil. Foi um jogo muito difícil para nós, mas conseguimos sair com a taça. Infelizmente, saímos derrotados. Conseguimos ganhar em todas as categorias, e agora é manter os pés no chão. É inexplicável o que vem acontecendo em nossas vidas - disse o camisa 9 que completou:

TABELA

- Futebol é o que eu amo, é o que eu penso todo dia. Me sinto feliz jogando e é assim que eu quero seguir, alegre e trazendo felicidade para as pessoas que eu amo. Agradeço bastante a minha família, namorada, amigos e todo staff por tirarem esse peso. É uma felicidade e alegria enorme vestir a camisa do Palmeiras, e me sentir bem em fazer o que eu mais gosto. Espero poder continuar ganhando títulos aqui no Palmeiras. Quero fazer história.

Agora, a joia alviverde poderá viver o ambiente principal a partir do dia 21 de julho, após completar 16 anos. Assim, poderá registrar de fato o seu primeiro contrato. Vale lembrar que o mesmo já está acertado verbalmente por parte do atleta e da diretoria.

Já o zagueiro palmeirense Gabriel Vareta também se destacou e mostrou ainda mais o seu valor. No caminho do título, o capitão atuou como um dos pilares do sistema defensivo da equipe. O jogador esteve presente em oito das nove partidas do time na competição e, com a sua presença em campo, o Verdão perdeu apenas o segundo jogo da decisão.

Também campeão paulista em todas as categorias na história da base do clube, o defensor chegou a ser convocado para as Seleções Brasileiras Sub-15 e Sub-17. Seu contrato se estende até o final de 2024, com multa rescisória no valor de 80 milhões de euros (443 milhões de reais na cotação atual).

- Agradecer a Deus por tudo. Em todos os anos nessas categorias, estamos ganhando sempre. É muito gratificante para a gente, mostra nossa evolução a cada dia. Ser Palmeiras é inexplicável. Mal consigo encontrar palavras para descrever esse título. Vencer a Copa do Brasil é algo incrível, e ter a oportunidade de ser o capitão e erguer a taça é ainda mais espetacular. Não imaginava isso nem nos meus melhores sonhos - comemorou Vareta.

Luis Guilherme chegou ao Palmeiras em 2017, após se destacar em escolinhas de futebol em Aracaju, sua cidade natal. O meia iniciou sua trajetória no Verdão pelo sub-11, conquistando logo de cara o Campeonato Paulista da categoria. Nos anos seguintes, também faturou os estaduais sub-13 e sub-15.

Com as mesmas conquistas do companheiro Endrick e também de contrato renovado com o clube alviverde, o meia celebrou o momento e o feito inédito.

- Só tenho a agradecer a Deus por essa história e por esse clube maravilhoso. Ganhamos em todas as categorias possíveis, agora é só curtir o momento", afirmou Luis Guilherme, que já tinha em sua galeria de títulos os Paulistas Sub-11, Sub-13 e Sub-15 (duas vezes) e a Copa São Paulo de Futebol Júnior Sub-20.

Agora, o Palmeiras é o único time a ser tricampeão da Copa do Brasil Sub-17. As Crias da Academia já haviam levantado a taça nas edições de 2017 e 2019, batendo Corinthians e São Paulo nas decisões, respectivamente.

- A gente fica contente, porque não é uma geração, não é um raio. Nesses últimos seis anos, conquistamos três vezes a Copa do Brasil Sub-17. São trabalhos que vêm desde lá. Quando vemos muitos jogadores vencedores, do Sub-10 ao Sub-20, ficamos orgulhosos pelo trabalho como um todo, não só porque se formou um bom time. Vai ser um grande legado para o clube, que mudou de patamar e se tornou um clube formador", concluiu João Paulo Sampaio, coordenador geral das categorias de base do Verdão.

Estes garotos não apenas escrevem o presente do Alviverde, mas principalmente o futuro de um clube que se preparou para isso e colhe os frutos de maneira justa e vitoriosa.

Lance!
Publicidade
Publicidade