0

"Das melhores derrotas que eu e o Palmeiras já tivemos", define Abel após classificação

13 jan 2021
01h26
atualizado às 02h32
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Como venceu o River Plate por 3 a 0 na Argentina, o Palmeiras avançou à final da Copa Libertadores mesmo com a derrota por 2 a 0 sofrida na noite desta terça-feira. No Allianz Parque, após atuação apagada de sua equipe, o técnico Abel Ferreira procurou valorizar o resultado expressivo alcançado como visitante.

No Estádio Libertadores de América, o Palmeiras dominou o poderoso River Plate e ganhou com gols marcados por Rony, Luiz Adriano e Matias Viña. O time alviverde, amplamente superior, ainda perdeu chances para aumentar a diferença, uma delas com Willian.

"Conseguimos essa classificação muito pelo jogo que fizemos na Argentina. Foi uma série de ida e volta. Claramente, no primeiro jogo fomos muito superiores e, hoje, nosso adversário foi superior. Poderíamos ter vindo com vantagem de quatro ou cinco gols. Aqui, na minha opinião, o que fez a diferença foi o fator psicológico", declarou Abel.

O River Plate mandou na partida disputada no Allianz Parque e marcou com Robert Rojas e Borré ainda no primeiro tempo. Na etapa complementar, o time argentino teve um gol e um pênalti anulados pelo VAR e manteve a pressão mesmo após a expulsão de Rojas.

"Ficou evidente após os gols que nosso sentimento foi de: 'Estamos perdendo a vantagem, não podemos perder'. A verdade é que essa foi, seguramente, uma das melhores derrotas que eu e o Palmeiras já tivemos nas nossas histórias. É uma boa altura para perdermos", afirmou Abel.

A grande decisão da Copa Libertadores está marcada para as 17 horas (de Brasília) do dia 30 de janeiro, no Estádio do Maracanã. Após empate sem gols na Bombonera, Santos e Boca Juniors decidem o segundo finalista a partir das 19h15 desta quarta-feira, na Vila Belmiro.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade