0

Abel Ferreira elogia dedicação do grupo na busca por mais duas taças no Palmeiras

'Se acham que o melhor é ter uma Supercopa e Recopa no meio... Estamos aqui para jogar e ganhar', disse o treinador português

8 abr 2021
08h30
atualizado às 08h30
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Palmeiras conquistou três títulos na temporada 2020 - Campeonato Paulista, Copa Libertadores e Copa do Brasil - e já está na briga por mais dois logo no início da de 2021. O primeiro passo para ganhar a Recopa Sul-Americana foi dado na quarta-feira com a vitória por 2 a 1 sobre o Defensa y Justicia, na Argentina. A volta será na quarta que vem no estádio Mané Garrincha, em Brasília, onde neste domingo o time decidirá também a Supercopa do Brasil contra o Flamengo.

Contente com a dedicação do grupo palmeirense - os titulares tiveram dias de folga no mês passado, enquanto que os reservas e jogadores da base iniciaram a nova temporada -, o técnico português Abel Ferreira ressaltou que o clube alviverde está preparado para as decisões que terá pela frente.

"Façam o que quiser, marquem quando quiser, de dois em dois dias, três em três em dias. Não queremos saber, queremos jogar. Já falei muito sobre isso. Se acham que o melhor é ter uma Supercopa e Recopa no meio... Estamos aqui para jogar e ganhar. Descansar a gente descansa quando formos mais velhos", afirmou o treinador.

"Parabéns aos meus jogadores. Paramos em grupos, alguns jogadores chegaram mais tarde (da folga) e fizeram pouco tempo de preparação e é fácil perceber isso contra um adversário que vem com dois meses de futebol seguidos. Agora estamos começando a carregar a nossa bateria. Mas o importante é isso, uma equipe como o Palmeiras tem de ganhar os jogos", declarou.

A vitória em Buenos Aires dá ao Palmeiras a vantagem de poder empatar no jogo da volta para ficar com o título internacional. O adversário argentino precisa vencer por dois ou mais gols para ser campeão ou por um para levar para prorrogação ou pênaltis.

"Nos juntamos no dia 2 (de abril) e competimos contra uma equipe extremamente competitiva e agressiva, que está jogando há dois meses. Tem de reconhecer o mérito da minha equipe. O futebol é isso, jogar e sempre que possível jogar bem, jogar romântico, mas quando não for possível temos que ganhar", disse Abel Ferreira.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade