PUBLICIDADE
Logo do

Palmeiras

Favoritar Time

Abel diz que Palmeiras é "como um martelo" e comenta declaração de Mano Menezes

14 mai 2022 19h53
| atualizado às 21h11
ver comentários
Publicidade

Neste sábado, o Palmeiras venceu o Red Bull Bragantino por 2 a 0, no Allianz Parque, em jogo válido pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Na coletiva, Abel Ferreira deixou claro que ficou satisfeito com o desempenho da equipe em campo. Ao analisar a performance, utilizou uma metáfora.

"Na minha opinião, nós fomos os justos vencedores. Acho que o segundo gol deveria ter vindo muito mais cedo. Essa equipe é como um martelo. Vai, vai, vai, vai. dá tudo até o fim. Foram dois, mas podia ter sido mais", disse o treinador.

Em seguida, Abel elogiou a postura do Bragantino durante os 90 minutos. O treinador já encheu a bola da equipe comandada por Maurício Barbieri em diversos momentos.

"Foi um jogo disputado. Já disse várias vezes que gosto muito dessa equipe (Bragantino). É uma equipe que vem dividir o jogo, não é uma equipe que faz cera. Fiquei maluco com os sete minutos de acréscimos, doente. Como contra essa equipe, que veio aqui disputar o jogo, dão sete minutos, e contra o Fluminense, que passou o jogo todo amarrando, caindo no chão para fazer cera, deram o tempo que deram (cinco minutos)", afirmou Abel.

"O Bragantino veio jogar para ganhar, não para não perder. (…) Parabéns ao Bragantino, tem uma grande equipe, um excelente treinador. É uma equipe que joga sem muita pressão por resultado, que joga para formar, vender e potencializar, mas gosto muito de jogar contra esse tipo de equipe", completou.

Por fim, equanto respondia a respeito de Raphael Veiga, Abel comentou a fala de Mano Menezes nesta semana. Ao discorrer sobre sua postura à beira do campo, o treinador do Internacional mencionou o comandante do Palmeiras, dizendo que é um juvenil quando comparado ao português.

"Eu não sou experiente na matéria. Tenho 43 anos, ainda sou juvenil. (Repórter cita Mano) Esse é sênior, já tem 60 anos, é nível sênior. Eu, com a idade que tenho, sou juvenil. Tenho muito para aprender, crescer e melhorar com o futebol brasileiro. A minha filosofia é ser melhor a cada dia, a cada jogo", finalizou.

Com o resultado, o Palmeiras chegou aos nove pontos, ocupando a sexta posição do Brasileiro. O time volta a campo na próxima quarta, pela Libertadores, contra o Emelec-EQU, às 19h (horário de Brasília), no Allianz.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade