0

Orgulhoso de ser brasileiro, Medina projeta Tóquio 2020: "Vou buscar esse sonho"

25 dez 2018
08h03
  • separator
  • comentários

Os Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020 será especial. Pela primeira vez, seis novos esportes serão disputadas como modalidades olímpicas, como é o caso do surfe, que vem crescendo no Brasil nos últimos anos, graças ao sucesso dos brasileiros no circuito, especialmente, Gabriel Medina.

Depois de conquistar o bicampeonato mundial na última segunda-feira, o craque das ondas já começa a projetar a temporada de 2019, de olho na vaga - e no sonho - nas Olimpíadas do ano seguinte.

Medina vê maturidade e fé como pontos chave do bi mundial

"Ano que vem vai ser muito importante. Um ano em que eu vou ter que me superar mais uma vez. Quero me concentrar 200%, porque as olimpíadas estão chegando e eu quero muito estar no Japão. Vai ser uma honra fazer parte do time do brasil, representar nossa a bandeira. Vou buscar esse sonho de estar nas Olimpíadas", destacou em entrevista coletiva após desembarcar em São Paulo.

E se hoje Medina é um dos maiores nomes do esporte brasileiro, é porque outros o inspiraram a ser quem ele é. "É uma honra ser comparado com o Guga e com o Senna. São caras que eu admiro muito, que fizeram muito pelo país, que servem de exemplo. Se hoje eu me dedico para representar nossa bandeira, foi porque assisti a esses caras. Não tenho como me compara a eles, não me vejo nesse patamar. Mas dou o meu melhor e tenho muito orgulho de ser brasileiro", finalizou.

*Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade