2 eventos ao vivo
Logo do Seleção da Nigéria
Foto: terra

Seleção da Nigéria

Destaque nigeriano, Musa aposta em vitória sobre a Argentina

24 jun 2018
07h50
atualizado em 26/6/2018 às 15h53
  • separator
  • comentários

A Nigéria foi uma das surpresas da segunda rodada da fase de grupos da Copa do Mundo da Rússia. Após perderem para a Croácia na estreia, os africanos conquistaram os três pontos contra a Islândia, que se tornou favorita ao empatar com a Argentina na primeira partida. Autor dos dois gols do jogo, o atacante Ahmed Musa aposta em uma nova quebra de favoritismo na última rodada para selar a classificação às oitavas de final. Segundo ele, sua seleção tem totais condições de superar Lionel Messi e companhia.

"O jogo contra a Islândia deu muita confiança e nos fez acreditar que podemos vencer a Argentina. Nunca os vencemos antes numa Copa. Há uma grande motivação. Não vamos para São Petersburgo para perder. Queremos vencer e sabemos que podemos fazer isso", afirmou, em coletiva de imprensa.

O confronto entre argentinos e nigerianos, por sinal, é comum quando se trata de Copa do Mundo. As duas seleções caíram no mesmo grupo em quatro dos últimos cinco Mundiais (2002, 2010, 2014, 2018). Quatro jogos, quatro vitórias da Albiceleste. Em 2014, o placar foi de 3 a 2, com dois gols do mesmo Musa, que na última sexta-feira se tornou o maior artilheiro das Superáguias na história das Copas.

"Eu fiquei muito conhecido após aquele jogo (de 2014). Eu me sinto muito bem e agradecido pelos meus companheiros, que me encorajaram. O próximo jogo é muito importante. Se vencermos, vamos nos classificar e entraremos para a história. Eu chorei quando soube que fui o primeiro nigeriano a fazer quatro gols numa Copa do Mundo", recordou.

Nigéria e Argentina se enfrentam nesta terça-feira, a partir das 15h (no horário de Brasília), em São Petersburgo. Estará em jogo a última vaga disponível no Grupo D, já que a Croácia, que venceu as duas partidas que fez até o momento, já está classificada às oitavas de final. Os africanos ocupam a segunda colocação, com três pontos ganhos, e precisam de uma vitória para avançarem no torneio. Em terceiro, estão os islandeses, com um ponto, assim como os argentinos, que possuem um saldo de gols pior e, portanto, estão na lanterna.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade