0
Logo do Náutico
Foto: Divulgação

Náutico

Paysandu marca de pênalti e vence lanterna Náutico no Mangueirão

18 jul 2017
21h21
atualizado às 22h42
  • separator
  • comentários

Em um jogo entre dois times que tentam fugir da zona de rebaixamento à Série C do Campeonato Brasileiro, o Paysandu recebeu o Náutico na noite desta terça-feira, em Belém. Com um gol de pênalti convertido por Bergson, o time da casa triunfou por 1 a 0 no Mangueirão.

Com 20 pontos ganhos em 15 rodadas, o Paysandu sobe para a 11ª colocação da Série B do Campeonato Brasileiro e respira na luta para fugir do grupo dos quatro últimos colocados. O Náutico, por sua vez, fica com sete pontos e figura na lanterna.

Pela 16ª rodada da Série B, às 16h30 (de Brasília) de sábado, o Náutico volta a campo para enfrentar o Londrina, no Estádio do Café. Já o Paysandu, às 19 horas do mesmo dia, encara o Brasil de Pelotas, desta vez na condição de visitante, no Bento de Freitas.

Precisando do resultado para se afastar da zona de rebaixamento, o Paysandu tomou a iniciativa no segundo tempo. Logo aos 3 minutos, após cruzamento de Ayrton pela direita, Bergson cabeceou para o gol, mas a arbitragem assinalou impedimento corretamente.

O time da casa finalmente conseguiu abrir o placar em Belém do Pará aos 36 minutos do segundo tempo. Em uma jogada pelo lado direito da grande área, Marcão tentou driblar o goleiro Tiago Cardoso e caiu. O árbitro João Batista de Arruda marcou pênalti, convertido por Bergson.

Os técnicos Marquinhos Santos e Beto Campos fizeram as três alterações que tinham direito no Estádio Mangueirão e o juiz resolveu dar cinco minutos de acréscimo, mas o placar permaneceu inalterado e favorável ao Paysandu.

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU 1 X 0 NÁUTICO

Local: Mangueirão, em Belém (PA)

Data: 18 de julho de 2017, terça-feira

Horário: 19h15 (de Brasília)

Árbitro: João Batista de Arruda (RJ)

Assistentes: João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ) e Gabriel Conti Viana (RJ)

Cartões amarelos: Peri, Marcão e Ricardo Capanema (PAY); Feliphe Gabriel, Alison e Breno (NAU)

Gols:

PAYSANDU: Bergson, aos 36 minutos do 2º Tempo

PAYSANDU: Marcos Milezani; Ayrton, Fernando Lombardi, Gualberto e Peri; Jhonnatan (Rodrigo Andrade), Renato Augusto e Fábio Matos (Diogo Oliveira); Magno (Ricardo Capanema), Marcão e Bergson

Técnico: Marquinhos Santos

NÁUTICO: Tiago Cardoso; Suelinton, Breno, Feliphe Gabriel e Manoel (Iago); Amaral, Darlan Bispo, Diego Miranda (Cal Rodrigues) e Henrique Ávila; Alison (Leilson) e Erick

Técnico: Beto Campos

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade